01:51 12 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Situação com coronavírus no Brasil no fim de junho (51)
    125
    Nos siga no

    A Prefeitura do Rio de Janeiro liberou o retorno do público aos estádios de futebol a partir do próximo dia 10 de julho.

    A medida, publicada na noite de sexta-feira (27), em edição extra no Diário Oficial, destaca que os estádios somente receberão 1/3 de sua capacidade, com distanciamento entre as pessoas e vendas on-line.

    O planejamento inicial da Prefeitura foi alterado com a determinação, pois a liberação de parte da capacidade dos estádios para competições esportivas aconteceria no dia 2 de julho. No entanto, o processo de flexibilização do isolamento social, em curso na cidade, e que se inicia a partir do dia 2 de julho, foi dividido em partes.

    A medida, publicada no Diário Oficial, não especifica como será feito o controle de lotação dos estádios, nem do distanciamento entre as pessoas. O texto somente observa de que o planejamento está sujeito a alterações.

    A publicação do Diário Oficial destaca a autorização parcial de funcionamento para centros de treinamento, "sem público, sendo vedado uso de sauna, piscina e banheira de hidromassagem".

    Ainda não há um protocolo definido, mas o uso de máscara será obrigatório, bem como distanciamento social de quatro metros quadrados. Não haverá recomendação para medição de temperatura.

    Tema:
    Situação com coronavírus no Brasil no fim de junho (51)

    Mais:

    Fernando Ferry anuncia demissão da Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro
    STF cobra explicação do TJ do Rio sobre flexibilização do isolamento
    Tags:
    COVID-19, Brasil, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar