14:18 22 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    191
    Nos siga no

    Neste sábado (21), a Polícia Federal realizou uma operação dentro do Congresso Nacional, tendo com um dos alvos o gabinete do deputado federal José Wilson Santiago (PTB-PB).

    A operação foi autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) através do ministro Celso de Mello, que afastou o deputado do cargo.

    A PF divulgou um informativo que explica que o objetivo da operação era desarticular uma uma organização criminosa estruturada em torno de pagamentos ilegais e superfaturamento de obras na Paraíba.

    Além da ação no Congresso, a operação também prendeu João Bosco Nonato Fernandes, prefeito de Uiraúna-PB, cumprindo, no total, quatro mandados de prisão preventiva e outras sete ordens de afastamento.

    A PF informou que os investigados responderão pelos crimes de peculato, lavagem de dinheiro, formação de organização criminosa e fraude licitatória.

    Com base em uma delação premiada, a operação está relacionada com a construtora Adutora Capivara. No total, cerca R$ 1,2 milhão teriam sido desviados.

    Mais:

    STF abre caminho para retomada de investigação envolvendo Flávio Bolsonaro e Queiroz
    Líder do governo Bolsonaro é alvo de buscas da Polícia Federal
    Polícia Federal inicia buscas e cumpre mandados de prisão a envolvidos em ataques no Ceará
    Polícia Federal prende suspeito de planejar novo atentado contra Bolsonaro
    Tags:
    Polícia Federal, Congresso Nacional, PTB
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar