07:42 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Embraer E190-E2

    Trabalhadores da Embraer entram em greve

    © REUTERS / Nacho Doce
    Brasil
    URL curta
    7282
    Nos siga no

    Os metalúrgicos da Embraer iniciaram uma greve nesta terça-feira (24) e interromperam a produção na principal fábrica da empresa, em São José dos Campos.

    O Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos afirmou em comunicado que a mobilização não tem data para acabar. Os trabalhadores pedem um aumento salarial de 6,37% enquanto a companhia oferece apenas a reposição da inflação no período, de 3,28%.

    De acordo com os trabalhadores, seria o primeiro aumento salarial real, que supera a inflação, em quatro anos. 

    O governo brasileiro aprovou recentemente a venda do braço de aeronaves comerciais da Embraer para a gigante estadunidense Boeing, embora isso não seja uma das pautas da greve.

    A Embraer não respondeu a um pedido de comentário da AP.

    O diretor do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, Herbert Claros, disse que as ofertas da Embraer para evitar a greve foram desrespeitosas.

    Mais:

    Embraer KC-390 seria fundamental para avanço tecnológico que faltava ao Brasil?
    Novo avião E195-E2 da Embraer estreará em show aéreo de Moscou
    Portugal fecha acordo bilionário com Embraer para novo KC-390
    Acordo entre Boeing e Embraer pode ser investigado pela UE, segundo fontes
    Tags:
    greve, Embraer
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar