14:55 19 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, na solenidade de sanção da Lei de Cadastro Positivo, em Brasília, em 8 de abril de 2019

    Bolsonaro: 'maus brasileiros' usam 'números mentirosos contra Amazônia'

    © Foto/ Alan Santos/PR
    Brasil
    URL curta
    19419
    Nos siga no

    Durante evento na Bahia, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL), voltou a criticar a divulgação de dados sobre desmatamento na Amazônia.

    A declaração vem no bojo de uma polêmica com dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), que apontaram aumento do desmatamento na floresta amazônica.

    “A Amazônia é um potencial incalculável. Por isso, alguns maus brasileiros ousam fazer campanha com números mentirosos contra a nossa Amazônia. E nós temos que vencer isso e mostrar para o mundo, primeiro, que o governo mudou e, depois, que nós temos responsabilidade para mantê-la nossa, sem abrir mão de explorá-la de forma sustentável", disse Bolsonaro, conforme divulgou o portal G1.

    Na sexta-feira (2), o diretor do INPE afirmou, após reunião com o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, que seria exonerado do cargo devido a "constrangimento" causado pelas respostas às declarações do presidente.

    Em entrevista à rádio Eldorado na manhã desta segunda-feira (5), Pontes disse que considera indicar um oficial da Aeronáutica para o cargo. O ministro também afirmou que pretende mudar todo o sistema de monitoramento da Amazônia.

    Mais:

    Após críticas de Bolsonaro, diretor do INPE diz que será exonerado
    Multas contra desmatamento caem 23% com Bolsonaro, diz jornal
    Governo Bolsonaro diz que dados sobre desmatamento não deveriam ter sido divulgados
    Especialista: desmatamento na Amazônia pode prejudicar ratificação do acordo Mercosul-UE
    'Mudar o sistema': militar pode assumir o INPE, diz ministro
    Tags:
    Marcos Pontes, Amazônia, Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar