11:07 10 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Prisão

    Total de mortos em presídios no Amazonas sobe para 57 e governo envia Força-Tarefa

    © Sputnik / Ivan Rudnev
    Brasil
    URL curta
    420
    Nos siga no

    O governo do Amazonas informou que foram encontrados, nesta segunda-feira (27), 42 detentos mortos. O Ministério da Justiça comunicou que enviará ao Amazonas integrantes da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária e transferirá para presídios federais alguns dos presos no estado.

    De acordo com a secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap), as mortes ocorreram no Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), no Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM 1), no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), todos localizados em Manaus (AM). Os corpos apresentavam indícios de morte por asfixia.

    As mortes ocorrem um dia após 15 detentos do Compaj terem sido assassinados. Ao todo, o número de mortos no sistema prisional chega a 57.

    Por meio de nota, o Ministério da Justiça e Segurança Pública disse que enviará uma Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) para atuar no complexo penitenciário. Segundo o comunicado da pasta, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) aguarda a formalização do pedido, mas já está tomando as providências para o deslocamento da equipe.

    Tags:
    presídio, mortes, Amazonas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar