21:09 24 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Jair Bolsonaro no Café da manhã organizado por sociedade chilena, 23 de março de 2019

    Bolsonaro compara invasão de terra a terrorismo

    © Foto: Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    41416

    O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse que pretende enviar ao Congresso Nacional um projeto de lei que tipifique a invasão de terras como crime de terrorismo, informou Agência Brasil.

    O chefe de Estado realizou uma transmissão ao vivo no Facebook na noite desta quinta-feira e disse que somente um registro de "invasão" de terra foi registrado no primeiro trimestre deste ano. No ano passado, segundo ele, foram 43 invasões no mesmo período. 

    "No que depender de mim, será tipificado como terrorismo", afirmou Bolsonaro. 

    Ele prometeu negociar com parlamentares para apresentar uma proposta sobre o tema no Legislativo. 

    Bolsonaro também defendeu o projeto de lei que possa qualificar como direito de legítima de defesa o disparo de armas contra invasores de domicílios privados. Segundo ele, uma lei semelhante foi aprovada recentemente na Itália. 

    "Invasão de domicílio ou de propriedade outra, uma fazenda ou uma chácara, o proprietário pode se defender atirando, e se o outro lado resolver morrer, é problema dele. Propriedade privada é sagrada", afirmou o presidente. 

    "O nosso projeto visa que, em legítima defesa da vida própria ou de outrem, legítima defesa da propriedade ou bem próprio ou de outrem, entre aí o excludente de ilicitude. Você responde, mas não tem punição", disse o político.

    Mais:

    Bolsonaro critica suposta 'indústria da demarcação de terras indígenas'
    Bolsonaro diz que governo precisa da mídia para que 'chama da democracia' não se apague
    Privatizar a Petrobras até 2022? Guedes sugere mais mudanças nas posições de Bolsonaro
    Esse filme já foi rodado no Brasil: analista sobre agenda econômica de Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar