19:39 17 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Trabalhador de resgate observa lama depois que uma barragem de propriedade da mineradora brasileira Vale SA explodiu, em Brumadinho.

    Ações da Vale continuam caindo após rompimento da barragem de Brumadinho

    © REUTERS / Adriano Machado
    Brasil
    URL curta
    Mar de lama varre Brumadinho após explosão de barragem (56)
    130

    As ações da Vale continuam em queda após o rompimento da barragem da empresa em Brumadinho (MG).

    O Ibovespa, principal índice do desempenho das ações negociadas na B3, antiga BM&F Bovespa, encerrou em queda de 2,29% nesta segunda-feira. A queda foi puxada pela forte desvalorização das ações da Vale e de sua holding, a Bradespar, que tiveram baixa de 24,52% e 24,49%, respectivamente.

    As ações da Vale estão em queda desde a tragédia envolvendo o rompimento de uma barragem da empresa em Brumadinho, região metropolitana de Belo Horizonte (MG). 

    Empresas brasileiras relacionadas ao ramo de mineração, em geral, sofram do mesmo efeito que a Vale. A CSN (-5,69%), Petrobras ON (-3,53%), e Gerdau (3,32%) apresentaram queda. 

    O dólar comercial também fechou o dia com queda de 0,17%, cotado a R$ 3,76. Já o euro teve leve elevação, de 0,007%, custando R$ 4,30, informou Agência Brasil.

    Tema:
    Mar de lama varre Brumadinho após explosão de barragem (56)

    Mais:

    Lama da barragem da Vale pode chegar à foz do rio Paraopeba
    Mourão diz estudar afastamento de diretoria da Vale
    Governo mineiro quer bloquear R$ 20 bilhões em ações da Vale
    Vale tem total de R$ 6 bilhões bloqueados após acidente em Brumadinho
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar