01:17 17 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Temer participa de reunião sobre a crise com venezuelanos em Roraima

    Temer pretende fazer transição do governo com 'maior tranquilidade'

    © Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    304

    O presidente Michel Temer fez uma palestra nesta terça-feira (16) na Associação Comercial do Paraná e disse que está sendo preparado um livro com as principais medidas deste governo e com sugestões de projetos para o próximo.

    “Me dão a tribuna em um momento de quase transição, porque a partir do dia 28 [de outubro] vamos entrar numa transição governamental, que pretendo fazer com a maior tranquilidade", afirmou. 

    "Teremos pouco mais de dois meses. Já estamos nos organizando com o livro da transição para o que foi feito e o que resta a fazer”, acrescentou o presidente.

    Michel Temer se queixou pelo fato de que o governo anterior não colaborou para realizar uma transição adequada. 

    “Quando cheguei [à Presidência, após o impeachment de Dilma Rousseff], não havia ninguém e, nos computadores, não havia dado nenhum. Tudo foi retirado. Tivemos de começar do zero”, disse o presidente. 

    “Não tivemos transição de espécie alguma, o que institucionalmente é incorreto, porque as pessoas não têm de se pautar pelas emoções momentâneas, mas pelos critérios da Constituição Federal. Por isso que digo, faremos uma transição muito tranquila àquele que for eleito no dia 28 de outubro”, completou.

    Mais:

    Haddad diz que trocará toda equipe econômica do governo Temer se vencer eleições
    Trump: China é 'maior problema' que Rússia quanto à interferência nas eleições
    CSU vence as eleições na Baviera com 39,2%
    Alemanha: eleições na Baviera pode enfraquecer ainda mais a chanceler Merkel?
    Tags:
    transição, presidência, eleições, governo, Michel Temer, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik