08:50 24 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Michel Temer durante coletiva em Brasília

    Nas mãos de Temer: aumento do judiciário é avaliado pessoalmente por presidente

    © Foto : Valter Campanato/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    504

    O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, declarou nesta terça-feira (28) que o assunto do reajuste salarial do Judiciário está sendo avaliado pessoalmente pelo presidente Michel Temer.

    “O presidente está tratando desse assunto pessoalmente”, disse Padilha ao ser questionado sobre a decisão do governo em relação ao reajuste salarial do Judiciário.

    “Todos que trabalham no Brasil no serviço público sabem a situação que a gente está enfrentando, e penso que teremos que ter decisões coerentes em relação a isso”, acrescentou. 

    O Supremo Tribunal Federal (STF) havia aprovado anteriormente um reajuste salarial de 16% para os ministros da Corte, com a previsão de passar de 33,7 mil reais para 39,3 mil reais em 2019. 

    Na semana passada, o presidente Michel Temer se reuniu com os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli e Luiz Fux,e com a advogada-geral da União, Grace Mendonça, para ouvir os argumentos favoráveis ao reajuste. De acordo com os ministros, o Judiciários está sem correção dos rendimentos desde 2015.

    Mais:

    Economista: candidatos a presidente querem que privatizações sejam feitas, mas por Temer
    Justiça condena Joesley a pagar R$ 300 mil a Temer por danos morais
    Caetano Veloso vs. Temer: 'será que vão dar um golpe contra mim?', responde cantor (VÍDEO)
    Temer oferece Garantia da Lei e da Ordem para Roraima
    Tags:
    Judiciário, reajuste salarial, Eliseu Padilha, Michel Temer, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik