21:00 22 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Plataformas no pré-sal da Bacia de Campos vêm aumentando produção

    Governo publica novas regras para comercialização de produtos do pré-sal

    Geraldo Falcão/Agência Petrobras/Fotos Públicas
    Brasil
    URL curta
    0 0 0

    O Diário Oficial da União publicou nesta terça-feira portaria do Ministério de Minas e Energia com as regras para regular a comercialização de petróleo e gás natural obtidos a partir do pré-sal pela empresa Pré-Sal Petróleo (PPSA).

    A empresa é responsável pela gestão dos contratos de partilha da produção para exploração e comercialização dos produtos do pré-sal. A PPSA representa a União também em acordos sobre áreas não concedidas ou não contratadas sob o regime de partilha da produção.

    Entre as diretrizes apresentadas pela portaria estão a de que a empresa tem de atender aos objetivos da política energética brasileira, e a de que a comercialização dos produtos será feita “preferencialmente por leilão”.

    Os preços a serem utilizados pela empresa serão os de referência fixados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

    A empresa representará a União em casos de transferência da propriedade do petróleo, do gás e dos demais hidrocarbonetos.

    A PPSA prestará contas ao Ministério de Minas e Energia, informou Agência Brasil.

    Mais:

    Fracassou? Leilão do pré-sal termina sem ofertas na Bovespa
    Recursos com destino incerto: começa leilão dos barris do pré-sal na Bolsa de Valores
    Extração do pré-sal foi fundo na produção da Petrobras em 2017
    Pré-sal: Brasil produziu mais petróleo do que consumiu em 2016, aponta agência dos EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik