07:16 15 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Força Nacional nas eleições

    Força Nacional participará de operações na tríplice fronteira, diz Jungmann

    Fernando Frazão/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    214

    A Força Nacional ajudará nas operações da Polícia Federal na região da tríplice fronteira do Paraná com Paraguai e Argentina. O anúncio foi feito pelo Ministro da Defesa, Raul Jungmann, durante audiência pública no Senado.

    Recentemente, o comandante do Exército, general Eduardo Villas Boas, comentou na mesma Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional que a proteção das fronteiras era um dos principais desafios enfrentados pelo Brasil no combate ao narcotráfico. As áreas mais preocupantes são as cidades de Foz do Iguaçu e Guaíra, além do Rio Paraná.

    Na audiência, o ministro Raul Jungmann confirmou a preocupação com a região, ressaltando a parceria do Brasil com os demais países da América do Sul para coibir o tráfico de armas e drogas nas fronteiras.

    "Nós temos fronteiras com dez países. Nós vamos ter que conviver e viver, e esse é o nosso centro, nós queremos exercer, em coordenação com os demais países da América do Sul, um elemento dissuasório em defesa do continente", disse Jungmann.

    O senador Ivo Cassol (PP-RO) destacou a importância de também fortalecer as fronteiras da região Norte do país, através do Projeto Calha Norte, idealizado em 1985 com o objetivo de ocupar militarmente uma faixa do território nacional situada ao Norte da Calha do Rio Solimões e do Rio Amazonas.

    "Se nós queremos combater as drogas nos morros de São Paulo, nas favelas do Rio, não adianta colocar policial, não adianta colocar a polícia pacificadora nos morros se não combater na raiz. Se não combater lá na base. Se não pegar lá no fundo, que é na entrada do Estado, na divisa, onde dá para combater o contrabando de armas e o tráfico de drogas", analisou o congressista.

    Inicialmente, as ações da Força Nacional no Paraná terão a duração de 180 dias, mas esse prazo poderá ser prorrogado. Os agentes vão atuar na fiscalização, prevenção e combate ao contrabando e ao tráfico de armas e drogas.

    Mais:

    Tropas da Força Nacional chegam no Amazonas e em Roraima para segurança de presídios
    Alexandre Moraes negou envio de Força Nacional a presídios, mostra documento
    Violência faz Governo autorizar envio da Força Nacional para reforçar segurança no RS
    Polícia faz operação para prender suspeitos da morte do soldado da Força Nacional na Maré
    'Só trafico drogas', diz senador Zezé Perrella em conversa com Aécio Neves
    Tags:
    Polícia Federal, Força Nacional, Raul Jungmann
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik