11:52 21 Julho 2019
Ouvir Rádio
    A Comissão Temporária Externa terá seis senadores titulares e vai funcionar por seis meses para acompanhar os desdobramentos da Operação Carne Fraca da PF

    Senado cria comissão para acompanhar investigações da Operação Carne Fraca

    Marcos Oliveira/Agência Senado
    Brasil
    URL curta
    A batalha da 'carne fraca' (31)
    311

    O Senado decidiu criar uma comissão externa para acompanhar os desdobramentos da Operação Carne Fraca da Polícia Federal, que investiga o envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento em um esquema ilegal de corrupção para a liberação de licenças e fiscalização fraudulenta de frigoríficos.

    Zarattin afirma que a denúncia gerou impacto econômico imediato, praticamente parou a exportação de carne no Brasil e isso é um desastre econômico.
    Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados
    O pedido para a criação da comissão foi feito pelos senadores do PMDB, Kátia Abreu, ex-ministra da Agricultura do governo de Dilma Rousseff e pelo ex-presidente do Senado, Renan Calheiros.

    A Comissão Temporária Externa será composta por seis senadores titulares e terá prazo de seis meses para acompanhar os resultados da Operação. 

    Para a ex-ministra da Agricultura, senadora Kátia Abreu a o trabalho da comissão será o de defender a qualidade da carne brasileira e a credibilidade dos produtores rurais e empresários.

    "Vamos estar do lado do Brasil, do lado dos produtores rurais, do lado dos empresários, porque há um foco isolado, e do lado dos servidores do Ministério da Agricultura, porque a maioria deles são bons. E vamos expurgar essa minoria, essa minoria que tentou destruir o País, que não pensou duas vezes além do seu próprio bolso, do seu próprio interesse em colocar em risco uma coisa tão preciosa para nós, brasileiros."

    A ex-ministra ainda destacou a importância do Brasil como o maior exportador mundial de carne bovina e frago, e o segundo maior produtor, estando atrás apenas dos Estados Unidos.

    Em audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos realizada nesta quarta-feira  (29) na Casa, representantes do governo afirmaram que apesar das denúncias da Operação Carne Fraca e da queda de 19% das exportações, registrada na terceira semana de março, o Brasil conseguiu manter a venda de carnes para 108 países. Durante a audiência, O coordenador-geral da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, João Fagundes Salomão, disse que ainda é cedo para medir os impactos provocados pelas denúncias da Operação Carne Fraca, mas afirmou que a diminuição das vendas não foi significativa a ponto de prejudicar o mercado, graças a ações imediatas do governo.

    Tema:
    A batalha da 'carne fraca' (31)
    Tags:
    investigações, acompanhamento, comissão temporária externa, operação carne fraca, Polícia Federal - PF, Senado Federal, Renan Calheiros, Kátia Abreu, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar