06:16 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Turistas argentinos em Brasília durante a Copa do Mundo FIFA de 2014

    Rio 2016 tem 'campanha para brasileiro abraçar argentino e argentino abraçar brasileiro'

    Valter Campanato/ Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    Rio 2016 (253)
    727311

    A rivalidade exacerbada entre as torcidas do Brasil e da Argentina nos Jogos Olímpicos Rio 2016 fez as autoridades dos dois países lançarem hoje (10) uma campanha para acalmar os nervos de ambos os lados.

    “Estamos aqui para lançar uma campanha durante os jogos olímpicos para brasileiro abraçar argentino e argentino abraçar brasileiro”, disse o secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento, do Ministério do Esporte, Luiz Lima, em entrevista coletiva.

    O objetivo da campanha, segundo relata a Agência Brasil, "é que os torcedores e atletas deixem de fora das arenas provocações típicas das rivais torcidas de futebol e criem um clima favorável para a Olimpíada da Juventude, que será realizada em 2018 no país vizinho".

    ​Os atletas brasileiros e argentinos serão incentivados a publicar mensagens com espírito esportivo nas redes sociais. 

    ​Na segunda (8), houve troca de socos entre dois torcedores, um brasileiro e um argentino, durante uma partida de tênis disputada no Parque Olímpico entre o argentino Juan Martin Del Potro e o português João Sousa. A briga teve que ser apartada por guardas da Força Nacional, e o jogo foi interrompido.

    ​No próximo sábado (13), Brasil e Argentina se enfrentam no basquete. "A expectativa é que os atletas entrem de mãos dadas e com as bandeiras trocadas, estimulando torcedores a também trocarem gestos amigáveis", relata a Agência Brasil.

    Tema:
    Rio 2016 (253)

    Mais:

    Brasil e Argentina celebram acordos de facilitação de comércio
    Brasil renova acordo automotivo com a Argentina até 2020
    Brasil bate Argentina e mantém 100% de aproveitamento na Liga Mundial
    Tags:
    abraço, campanha, argentinos, brasileiros, briga de torcidas, torcida, rivalidade, Olimpíadas, Rio 2016, Argentina, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik