12:21 20 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    1141
    Nos siga no

    O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes autorizou nesta segunda-feira (6) abertura de novo inquérito para investigar o senador Aécio Neves (PSDB-MG), informou Agência Brasil.

    Aécio Neves, citado nas gravações das conversas entre Romero Jucá e Sérgio Machado como o primeiro a ser comido caso a Lava-Jato prosseguisse
    Marcos Oliveira/ Agência Senado/ FotosPúblicas
    Com a nova decisão, também será investigado o prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes (PMDB) e o ex-governador de Minas Gerais Clésio Andrade (PSDB). Eles serão investigados a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

    A investigação está baseada em um dos depoimentos de delação premiada do ex-senador Delcídio do Amaral. Segundo ele, durante os trabalhos da Comissão Parlamentar Mista de Inquéritos (CPMI) dos Correios, criada para investigar denúncias da Ação Penal nº 470, o processo do mensalão, Aécio Neves, então governador de Minas Gerais, “enviou emissários" para barrar quebras de sigilo de pessoas e empresas investigadas. Segundo Delcídio, um dos emissários era Eduardo Paes, então secretário-geral do PSDB. 

    Conforme relato do ex-senador, o relatório final da CPMI foi aprovado com "dados maquiados" e Paes e o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP) também tinham conhecimento dos fatos.

    Aécio é alvo de uma segunda investigação no Supremo autorizada pelo ministro Gilmar Mendes. Na investigação, Janot cita supostos crimes cometidos pelo senador em Furnas, empresa subsidiária da Eletrobras.

    Mais:

    Continuação de inquérito contra Aécio Neves é autorizada por Gilmar Mendes
    ‘Um golpista na praia’: vídeo de Aécio sendo hostilizado no Leblon viraliza na Internet
    STF suspende coleta de provas sobre Aécio com menos de 24 horas de investigação
    Procurador-geral da República pede ao STF retomar investigação contra Aécio na Lava Jato
    Renan Calheiros recebe Michel Temer e Aécio Neves em Brasília
    Tags:
    Brasil, Aécio Neves, Eduardo Paes, Gilmar Mendes, Rodrigo Janot, Clésio Andrade, STF, PGR
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar