21:20 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Estupro coletivo no Rio de Janeiro (15)
    1212
    Nos siga no

    A Polícia Civil do Rio de Janeiro deflagrou uma operação na manhã desta segunda-feira (30) para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão relativos ao caso da adolescente de 16 anos estuprada por 33 homens na semana passada.

    Os detalhes da operação ainda não foram divulgados. 

    A pedido da defesa da vítima, que disse ter sido intimidada pelo titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática –, a investigação foi transferida no domingo (29) para a Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV).

    No sábado (28), policiais militares realizaram operações no Morro São José Operário, zona oeste do Rio, onde o crime aconteceu. Um suspeito foi detido na região e liberado após prestar depoimento. A Polícia Militar também apreendeu três carros roubados, cerca de 1.500 papelotes de cocaína e mais de 2.000 trouxinhas de maconha.

    Segundo a Agência Brasil, a polícia dará um informe à imprensa às 14h para divulgar novos desdobramentos sobre as investigações.

    Tema:
    Estupro coletivo no Rio de Janeiro (15)

    Mais:

    MP: delegado não é mais responsável por investigar estupro coletivo
    Milhares de mulheres marcham em Brasília contra a ‘cultura do estupro’
    Advogada de vítima de estupro quer representar contra delegado
    OAB/Mulher: ‘Mais do que um estupro, foi um crime de ódio contra as mulheres’
    Brasil: Adolescente é vítima de estupro coletivo e autores divulgam vídeo na internet
    Tags:
    presos, suspeitos, operação, mandado de prisão, mandado de busca e apreensão, investigação, estupro coletivo, Polícia Civil, Polícia Militar, Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima, Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática, DCAV, Zona Oeste, Morro São José Operário, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar