15:58 18 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Conab espera crescimento de 11,7% na produção de soja, carro-chefe das exportações brasileiras, que deve alcançar 96,2 milhões de toneladas

    Safra brasileira de grãos 2014/2015 é recorde: 208,8 milhões de toneladas

    Fabio Scremin/ APPA (Arquivo)
    Brasil
    URL curta
    291
    Nos siga no

    A produção de grãos no Brasil bateu novo recorde e deve atingir 208,8 milhões de toneladas. Este volume representa um aumento de 7,9% em relação à safra 2013/2014, que foi de 193,62 milhões de toneladas. A informação é da Conab – Companhia Nacional de Abastecimento.

    De acordo com o diretor de Política Agrícola e Informações da Conab, João Marcelo Intini, o crescimento se deve especialmente ao aumento de produtividade do milho de segunda safra, registrado em quase todos os Estados produtores, mas principalmente nos do Centro-Oeste e no Paraná, no Sul do país, cuja colheita deve superar 54 milhões de toneladas, ou 11,6% a mais do que o levantamento da safra 2013/2014.

    Intini afirma: “O que nós estamos detectando em campo são produtividades muito expressivas, alguns locais do Mato Grosso colhendo mais de 100 sacas por hectare, e aqui no Distrito Federal com alta tecnologia, embora o volume não seja tão representativo, mas com alta tecnologia beirando 8 mil quilos por hectare. Os ajustes que estamos fazendo nos últimos levantamentos representam justamente essa convergência entre o que ocorreu no campo e as condições climáticas que deram essa segunda safra do milho com os números que estamos percebendo.”

    A Conab também espera crescimento na produção de soja, que deve alcançar 96,2 milhões de toneladas, registrando 11,7% a mais do que as 86,1 milhões da safra anterior.

    Já a área de plantio das principais culturas deve ficar 1,3% maior que a da safra 2013/2014, com um aumento de 732,8 mil hectares.

    A Companhia Nacional de Abastecimento assinou nesta semana um acordo de cooperação técnica com o Inmet – Instituto Nacional de Meteorologia. De acordo com o presidente da Conab, Rubens Rodrigues dos Santos, a parceria vai aperfeiçoar o monitoramento agrícola. “Hoje nós já fazemos um cruzamento entre os dados levantados pelos nossos técnicos em campo junto com aqueles dados levantados por satélites”, informa Santos. “Isso vai possibilitar fazer esse confronto cada vez mais próximo da realidade e aperfeiçoar o monitoramento da safra agrícola.”

     

    Tags:
    milho, soja, exportações, agricultura, Conab, Inmet, João Marcelo Intini, Rubens Rodrigues dos Santos, Mato Grosso, Distrito Federal, Paraná, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar