06:32 21 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Sede da CBF no Rio de Janeiro

    Polícia Federal fará busca na sede da CBF

    Ricardo Stuckert/ CBF
    Brasil
    URL curta
    0 61

    Após recolher documentos na sede da Klefer, empresa de marketing esportivo de propriedade do ex-presidente do Flamengo Kleber Leite e parceira da CBF, agentes da Polícia Federal pretendem ir até a sede da CBF, na noite desta quarta-feira.

    Polícia Federal possui mandato de busca e apreensão de documentos e serão recebidos por responsáveis pelo departamento jurídico da entidade.

    O secretário-geral da CBF, Walter Feldman, confirmou ter recebido a informação da "visita" da Polícia Federal. "Eu não fiquei lá porque o dia foi corrido e preciso descansar um pouco. Mas temos gente do departamento jurídico, administrativo, de tecnologia da informação para atendê-los (os agentes) em tudo que solicitarem. Serão muito bem recebidos", disse, garantindo que todos os documentos e informações que forem solicitados serão entregues às autoridades. Os agentes estão de posse de mandatos de busca e apreensão.

    Feldman confirmou que uma reunião extraordinária entre diretores da entidades determinou, no início da noite desta quarta-feira, o afastamento de José Maria Marin da entidade "até a definitiva conclusão do processo". Durante o dia, Marin havia sido banido da Fifa.

    Também reiterou a posição da entidade de fazer uma nova análise de todos os contratos feitos em administrações anteriores à de Marco Polo Del Nero que ainda estejam em vigor, informou Agência Estado.

    Mais:

    Guerra de informação contra a FIFA continua
    FIFA é acusada de favorecimento em contrato milionário sem licitação
    Tags:
    CBF, Polícia Federal, FIFA, Walter Feldman, Marco Polo Del Nero, José Maria Marin, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik