18:12 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    11912
    Nos siga no

    Presidente do Azerbaijão, Ilham Aliyev, declarou que seu país vai recuperar sua integridade territorial em Nagorno-Karabakh, território de litígio entre o Azerbaijão e a Armênia.

    Durante encontro com feridos do conflito em Nagorno-Karabakh em hospital em Baku, o presidente azeri declarou:

    "A Armênia deve renunciar à sua polícia de ocupação [...]. Nós só temos uma condição [para a paz] – as Forças Armadas da Armênia deverão em sua totalidade rapidamente sair de nossas terras. Esta condição está valendo e se o governo da Armênia a cumprir, os embates cessarão, o sangue deixará de ser derramado e será estabelecida a paz na região. Nós queremos a paz e a solução do conflito."

    O presidente azeri também declarou que deu ordem para seus militares não tomarem nenhuma medida em relação à população civil armênia, afirmando, contudo, que está pronto para resolver as diferenças com a Armênia pela força.

    "Deram-nos esperanças e determinados sinais: 'aguentem e a questão será resolvida.' Porém, eu avisei, se as negociações não darão resultado, o Azerbaijão resolverá a questão pela via militar. Nós estamos no lado certo e nós queremos restaurar a integridade territorial, e faremos isso. O Azerbaijão deve restaurar a integridade territorial. O conflito continua pelo quarto dia para a restauração da justiça histórica. Nagorno-Karabakh é o território histórico do Azerbaijão", acrescentou o presidente.

    Conflito em Nagorno-Karabakh

    Desde o último dia 27, a autoproclamada república de Nagorno-Karabakh tem sido palco de embates entre forças militares do Azerbaijão e da Armênia.

    A culpa da retomada do conflito histórico tem sido atribuída por cada lado ao seu oponente.

    Em ambos os países foi declarado o estado de guerra, enquanto mobilizações militares são registradas.

    Além disso, Baku e Erevan afirmam respectivamente que o lado oponente tem sofrido significativas perdas tanto de vidas como de material bélico.

    Mais:

    F-16 da Turquia derruba Su-25 armênio, diz Ministério da Defesa armênio, Ancara nega
    Turquia diz estar pronta para apoiar e combater ao lado do Azerbaijão
    Conselho de Segurança da ONU pede fim imediato de conflito entre Armênia e Azerbaijão
    Tags:
    conflito, Azerbaijão, Armênia, Nagorno-Karabakh
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar