10:29 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    2292
    Nos siga no

    Neste sábado (4), vice-ministra das Relações Exteriores da Coreia do Norte informou que o país não vê necessidade em dialogar com os Estados Unidos.

    A vice-ministra das Relações Exteriores da Coreia do Norte, Choe Son-hui, afirmou que as negociações não funcionariam entre Washington e Pyongyang, portanto, não haveria uma mudança na política norte-coreana.

    "Não sentimos qualquer necessidade de sentar cara a cara com os Estados Unidos, uma vez que estes não consideram o diálogo RPDC [República Popular Democrática da Coreia] – EUA como algo mais que uma ferramenta para enfrentar sua crise política", afirmou a diplomata em um comunicado transmitido pela agência KCNA.

    Nesta quarta-feira (1), o presidente sul-coreano, Moon Jae-in, afirmou que o presidente norte-americano, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, deveriam se encontrar antes das eleições dos EUA, em novembro, o que ajudaria a reativar negociações nucleares.

    Há dois anos, em Singapura, os líderes se encontraram pela primeira vez, enquanto em 2019, no Vietnã, eles tiveram uma nova reunião.

    Contudo, as negociações foram interrompidas após Trump afirmar que o mandatário norte-coreano falhou em não oferecer uma troca satisfatória de mísseis balísticos e armas nucleares pela retirada de sanções internacionais.

    Mais:

    Desertores da Coreia do Norte lançam mais 500.000 folhetos de propaganda anti-Pyongyang
    Líder norte-coreano Kim Jong-un suspende planos militares contra Coreia do Sul
    Trump não conseguirá vencer na Coreia do Norte, afirma especialista norte-americano
    Tags:
    Donald Trump, Estados Unidos, arma nuclear, negociações, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar