19:41 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    490
    Nos siga no

    As cidades vizinhas Heihe, na China, e Blagoveshchensk, na Rússia, abrem um novo capítulo na sua cooperação intermunicipal no combate à COVID-19.

    A cidade chinesa de Heihe informou ter eviado máscaras à sua vizinha Blagoveshchensk, na Rússia, nesta sexta-feira (3).

    De acordo com a administração de Heihe, a cidade enviou 100 mil máscaras descartáveis, 200 pirômetros e 1000 vestes protetoras para a cidade localizada no extremo oriente da Rússia.

    Russas na beira do rio Amur olham para a cidade chinesa de Heihe, na outra margem do rio (foto de arquivo)
    © Sputnik / Yevgeny Odinokov
    Russas na beira do rio Amur olham para a cidade chinesa de Heihe, na outra margem do rio (foto de arquivo)

    As cidades ficam na beira do rio Amur, que divide a China da Rússia na porção oriental. A cidade russa, capital da província de Amur, já confirmou um caso de novo coronavírus.

    A Rússia confirmou 4.149 infecções e 34 mortes por COVID-19. Com a maioria dos casos concentrados na capital, Moscou, a Rússia informa ter realizado 529 mil testes nacionalmente para detecção da doença.

    A pandemia de COVID-19 já deixou 1.039.166 pessoas infectadas e matou 55.092 pacientes. Os países com maior número de casos no mundo são EUA, Espanha e Itália, de acordo com a Universidade John Hopkins (EUA).

    Mais:

    Trump diz que Rússia enviou suprimentos médicos de 'alta qualidade' aos EUA
    Aviões russos com especialistas e equipamentos contra COVID-19 partem para Sérvia (FOTOS, VÍDEO)
    Hospital equipado em Bergamo com ajuda da Rússia receberá pacientes com COVID-19 em breve (VÍDEO)
    Tags:
    Amur, fronteira, China, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar