14:49 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Uma planta de liquefação de gás (imagem referencial)

    Índia anuncia investimento de US$ 60 bilhões em rede nacional de gás natural

    © Sputnik / Sergei Krasnoukhov
    Ásia e Oceania
    URL curta
    1130
    Nos siga no

    Um dos maiores poluidores do mundo, a Índia pretende construir uma rede nacional de gás natural e terminais de US$ 60 bilhões até 2024.

    A Índia tem lutado para aumentar o uso de gás, que produz menos emissões de gases de efeito estufa do que carvão e petróleo, porque muitas indústrias e cidades não estão ligadas à rede de gasodutos.

    O crescimento do consumo de gás foi de 11% em 2010, mas caiu para apenas 2,5% no exercício de 2018/19.

    O ministro do Petróleo, Dharmendra Pradhan, disse à imprensa no Fórum de Energia da Índia que empresas pretendem investir US$ 60 bilhões (R$ 246 bilhões) na rede e construir novas instalações de importação de gás para ligar todos os estados até meados de 2024, quando o atual mandato presidencial termina.

    "Não estou falando de investimento em potencial. Esse número está relacionado ao projeto em execução", afirmou.

    A maioria dos terminais de importação de gás natural liquefeito (GNL) da Índia fica no oeste, tornando difícil para a indústria do leste e de outros lugares garantir o fornecimento regular de gás.

    O primeiro-ministro, Narendra Modi, já havia prometido dobrar a participação do gás natural na matriz energética indiana, para que esta cifra chegue em 15%.

    A maior empresa de gás da Índia, Gail Ltd, disse que está perto de concluir o projeto do gasoduto Urja Ganga, com 2.660 quilômetros, conectando os estados do leste de Bihar, Bengala Ocidental, Jharkhand e Odisha. O gasoduto terá capacidade para 16 milhões de metros cúbicos padrão de gás por dia.

    Mais:

    Guerra nuclear entre Índia e Paquistão pode matar 100 milhões e teria impacto global
    Índia admite ter derrubado próprio helicóptero Mi-17 ao combater Paquistão
    EUA teriam ameaçado aliados com sanções após Índia defender direito de comprar S-400
    Brasil perdeu US$ 1,4 bilhão em razão de subsídios da Índia aos exportadores de açúcar, diz produtor
    Índia acusa o Paquistão de usar os direitos das mulheres como 'arma' na ONU
    Índia pode equipar caças Su-30 com radar de nova geração
    Tags:
    petróleo, gás natural, Índia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar