23:48 24 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Avião Airbus A320 da Air New Zealand descola do Aeroporto Internacional Kingsford Smith em Sydney, Austrália, 22 de fevereiro de 2018 (imagem referencial)

    Aeronave comercial neozelandesa regressa ao aeroporto após ser atingida por raio

    © REUTERS / Daniel Munoz
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 0 0

    Um avião da companhia Air New Zealand foi forçado a voltar ao aeroporto de partida depois de ter sido atingido por um raio durante uma tempestade.

    Após partir do Aeroporto de Auckland com destino a Taiti por volta das 19h dessa sexta-feira (2h, no horário de Brasília), a aeronave do NZ42 teve que regressar, escreve o site Stuff.

    Os passageiros disseram que testemunharam uma luz brilhante e ouviram um estrondo alto aproximadamente 10 minutos após a decolagem.

    "Muito alto, muito brilhante, parecia uma bomba, como se a gente tivesse batido ou sido atingido por alguma coisa", conta o passageiro Jason Carstens.

    Carstens conseguiu capturar pela câmera o momento da queda do raio, enquanto filmava a tempestade da janela.

    Uma porta-voz da companhia aérea confirmou o ocorrido afirmando que a empresa estava preparada. 

    "As aeronaves são projetadas com isso em mente e nossos pilotos treinam para este cenário", disse a representante.

    ​Incidente: Air New Zealand voo NZ42 de Auckland para Taiti (Boeing 787-9 ZK-NZJ) regressou 30 minutos depois e voltou ao aeroporto AKL hoje após raio ter atingido a aeronave

    Mais:

    VÍDEO mostra momento em que avião é atingido por raio no Alasca
    Na web surge VÍDEO de raio atingindo caça F-18
    'Raio atingiu 2 vezes motor direito': passageiro do SJ 100 relata pouso trágico
    Tags:
    raio, Nova Zelândia, avião
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar