21:00 15 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    O presidente Donald Trump e o líder norte-coreano Kim Jong Um participante de uma cerimônia de assinatura durante uma reunião na ilha de Sentosa (arquivo)

    EUA e Coreia do Sul suspendem exercícios militares por desnuclearização da Coreia do Norte

    © AP Photo / Evan Vucci
    Ásia e Oceania
    URL curta
    341
    Nos siga no

    EUA e Coreia do Sul suspendem exercícios militares para facilitar o processo de desnuclearização da Coreia do Norte. De acordo com a agência sul-coreana de notícias, Yonhap, o fim dos exercícios militares anuais entre EUA e Coreia do Sul na península coreana pode facilitar os esforços pela desnuclearização da Coreia do Norte.

    O departamento de Defesa confirmou neste sábado (2) o fim permanente de dois exercícios militares de larga escala entre EUA e Coreia do Sul. Os exercícios são conhecidos com Resolução Chave e Águia Jovem.

    "Seguindo coordenação estreita, ambos os lados decidiram concluir as séries de exercícios RESOLUÇÃO CHAVE e o ÁGUIA JOVEM", disse o Departamento de Defesa em uma ligação entre o secretário de Defesa em exercício, Patrick Shanahan e o ministro da Defesa da Coreia do Sul, Heong Kyeong-doo.

    De acordo com a Yonhap, os dois países aliados concordarem em manter uma robusta prontidão militar.

    "O ministro e o secretário deixaram claro que a decisão em relação ao ajuste dos exercícios militares reflete a expectativa e ambos os países de apoiar esforços diplomáticos para reduzir as tensões e atingir a completa desnuclearização da península coreana através de um método final e totalmente verificado", disse o ministério da Defesa sul-coreano, conforme citado pela Yonhap.

    A notícia surge após o encontro entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, em Hanoi, no Vietnã. O encontro, o segundo entre Trump e Kim, terminou aparentemente sem acordo. A cúpula tinha como principal objetivo negociar o processo de desnuclearização norte-coreana.

    O encontro mais recente entre os líderes aconteceu nos dias 27 e 28 de fevereiro. As partes decidiram continuar realizando reuniões.

    O primeiro encontro entre Trump e Kim aconteceu em 12 de junho de 2018, em Singapura. À época os mandatários concordaram em trabalha pela desnuclearização da península coreana e pela estabilização das relações entre seus países.

    Mais:

    Mourão cita cúpula de Trump e Kim e sugere diálogo com Maduro por fim da crise venezuelana
    'Vamos ver o que acontece': Trump vê lado positivo em encontro com Kim
    Kim pode mudar de ideia sobre dialogar com Trump, revela diplomata norte-coreana
    Pompeo: Trump decidiu não assinar comunicado conjunto com Kim Jong-un
    Tags:
    encontro bilateral, desnuclearização, Kim Jong-un, Donald Trump, Estados Unidos, Coreia do Norte, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar