03:57 20 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    A bandeira da República Popular da China e as Estrelas e Listras dos Estados Unidos tremulam pela Avenida da Pensilvânia, perto do Capitólio dos EUA, durante a visita de Estado do presidente chinês, Hu Jintao em 18 de janeiro de 2011 (foto de arquivo).

    EUA querem introduzir taxas de 25% sobre importações de produtos chineses

    © REUTERS / Hyungwon Kang
    Ásia e Oceania
    URL curta
    413

    A administração dos EUA planeja propor a introdução de taxas de 25% de direitos sobre as importações de bens e serviços chineses no valor de 200 bilhões de dólares.

    Anteriormente, o presidente Donald Trump queria introduzir taxas adicionais de 10% em uma lista de bens e serviços, mas tais medidas foram consideradas inadequadas pela administração.

    Congresso do Partido Comunista da China (foto de arquivo)
    © AP Photo / Mark Schiefelbein
    Segundos fontes da agência Bloomberg, a administração planeja aumentar a pressão sobre a China, para que Pequim retorne à mesa de negociações.

    A "Guerra comercial" entre a China e os Estados Unidos começou após em 6 de julho deste ano, quando os direitos aduaneiros recíprocos entre os dois países. Os EUA impuseram um imposto de 25% sobre a importação de 818 itens da China, somando um valor total de 34 bilhões de dólares por ano.

    Como medida preventiva, a China impôs um imposto de 25% sobre as importações do mesmo volume de produtos americanos no mesmo dia.

    Mais:

    EUA estão preocupados com o poder da China na América Latina
    'Extremamente descontente': China ataca cooperação militar entre EUA e Taiwan
    Tags:
    guerra comercial, Donald Trump, China, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik