14:03 19 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Logo do restaurante McDonald’s

    McDonald’s em Pyongyang? Kim Jong-un estaria buscando investimento estadunidense

    CC BY 2.0 / Sarah Nichols / Viva McDonalds, the new M on the Strip
    Ásia e Oceania
    URL curta
    1274

    Após a cúpula histórica entre os dois líderes das Coreias, Seul passa a afirmar que Pyongyang começou a manifestar interesse por investimentos norte-americanos.

    Na sequência da reunião bilateral exitosa, celebrada em Panmunjom, na zona desmilitarizada entre as duas Coreias, os oficiais sul-coreanos revelaram que seus colegas do país vizinho parecem estar dispostos a atrair investimentos estrangeiros, relata a edição Daily Express.

    De acordo com Chung In-moon, conselheiro especial do presidente sul-coreano Moon Jae-in, o atual melhoramento das relações entre as Coreias pode levar ao aparecimento de restaurantes McDonald's na capital norte-coreana. E até uma "Trump Tower" em Pyongyang já não parece uma perspectiva assim tão irreal.

    "Eles querem o investimento norte-americano na Coreia do Norte. Eles saúdam parceiros americanos e consórcios multilaterais", disse.

    Enquanto isso, o líder norte-coreano Kim Jong-un acordou em participar de uma reunião histórica com o presidente norte-americano, Donald Trump, informa a CNN.

    Mais provavelmente, a cúpula vai acontecer na zona desmilitarizada que separa as duas Coreias, mesmo lugar onde Kim Jong-un e Moon Jae-in se reuniram mais cedo em abril.

    Em 27 de abril, os líderes coreanos realizaram um encontro histórico ao assinar uma declaração conjunta e acordar em tomar medidas para apoiar os esforços conjuntos destinados à desnuclearização da península e condução de programas de reunificação para as famílias coreanas separadas.

    No mesmo dia, Trump disse que iria organizar uma reunião com seu homólogo norte-coreano nas "próximas semanas".

    Em 20 de abril, Kim afirmou que seu país interromperia testes nucleares e lançamentos de mísseis balísticos intercontinentais, prometendo fechar o polígono de testes.

    Mais:

    Coreia do Sul sai debaixo do 'guarda-chuva nuclear' dos EUA, afirma analista
    'Não vou mais interromper seu sono', diz Kim Jong-un para presidente da Coreia do Sul
    EUA e Coreia do Sul discutem desnuclearização de Pyongyang e pedem decisão diplomática
    Tags:
    investimentos, McDonald's, Kim Jong-un, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik