19:14 23 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    160
    Nos siga no

    Kim Yo-jong, a irmã mais nova do líder norte-coreano, que visitou Coreia do Sul com a delegação do seu país, pode estar grávida, escreve jornal japonês Yomiuri.

    No entanto, o Yomiuri não dá mais detalhes. Por sua vez, o jornal sul-coreano Segye Ilbo, também escreve sobre possível gravidez de Kim Yo-jong.

    "Kim falou sobre sua segunda gravidez com nossos diplomatas durante sua visita", jornal sul-coreano cita fontes entre diplomatas.

    As mesmas fontes informaram que Kim Yo-jong, durante estadia na Coreia do Sul, evitava certas comidas. Chamou atenção também a roupa usada por ela: larga, provavelmente para esconder a barriga.

    O jornal The Korea Herald solicitou comentário por parte dos representantes da administração do presidente sul-coreano, mas o pedido foi rejeitado. A fonte na inteligência sul-coreana tampouco confirmou esta informação para agência Yonhap.

    As mídias, tanto japonesa como sul-coreana destacam que se trata já da segunda gravidez. O primeiro filho, como se pressupõe, nasceu em 2015. O marido da irmã de Kim Jong-un é o filho da segunda pessoa mais influente da Coreia do Norte, vice-presidente do Comitê Central do Partido dos Trabalhadores da Coreia.

    Kim Yo-jong ocupa cargo de primeira-vice-chefe do departamento responsável pela propaganda e manifestação do Partido dos Trabalhadores da Coreia.

    Mais:

    Quem é a misteriosa irmã de Kim Jong-un, promovida ao centro do poder?
    Irmã do líder norte-coreano entra para politburo do partido governante da Coreia do Norte
    Irmã de Kim Jong-un pode ser a verdadeira comandante da Coreia do Norte
    Tags:
    Kim Yo-jong, Kim Jong-un, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar