19:47 19 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte, com militares jovens

    Coreia do Norte insiste que EUA a reconheçam como potência nuclear em prol da paz

    © REUTERS/ KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    5210453

    A Coreia do Norte propôs aos EUA o reconhecimento de seu status como potência nuclear para convivência pacífica.

    "O mais racional seria reconhecer a Coreia do Norte como potência nuclear e buscar meios para convivência pacífica", diz o comunicado publicado no jornal oficial da Coreia do Norte, Rodong Sinmun.

    Ao mesmo tempo, o comunicado, citado pela agência Yonhap, indica que as tensões em meio à esfera nuclear entre os EUA e a Coreia do Norte são provocadas pela política hostil de Washington em relação a Pyongyang.

    As tensões entre os EUA e a Coreia do Norte em torno dos programas nuclear e balístico de Pyongyang continuam crescendo após os novos testes de mísseis de Pyongyang.

    A situação tem se agravado nos últimos meses devido às manobras navais conjuntas efetuadas pelos EUA e a Coreia do Sul nas proximidades da costa norte-coreana, bem como devido ao aumento da presença militar dos EUA em geral na região.

    Na segunda-feira (16), Estados Unidos e Coreia do Sul iniciaram uma série de exercícios navais de 10 dias. Os exercícios militares dos dois países já antecederam testes balísticos no passado. O último teste balístico norte-coreano ocorreu há quase um mês, quando Pyongyang disparou um projétil de médio alcance que sobrevoou o norte do Japão.

    Também na segunda, a União Europeia aplicou mais sanções contra a Coreia do Norte. Foi definido que os membros do bloco europeu não irão investir em nenhum setor da economia norte-coreana e que a venda de produtos petrolíferos refinados e de petróleo para Pyongyang será suspensa.

    Mais:

    Coreia do Norte começa construção de novo submarino de mísseis balísticos
    Seul: 'Não há nenhuma chance da Coreia do Norte desistir de suas armas nucleares'
    Hillary: Trump age de maneira 'perigosa e míope' em guerra de palavras com Coreia do Norte
    'Coreia do Norte só usará armas nucleares para defesa'
    Coreia do Norte buscará diplomacia após ter míssil capaz de atingir Washington, diz fonte
    Marinha da Rússia realiza exercícios no Pacífico em meio às tensões na Coreia (VÍDEO)
    Tags:
    testes balísticos, programa de mísseis balísticos, potência nuclear, condições, estatuto, paz, programa nuclear, Yonhap, Rodong Sinmun, Península da Coreia, Coreia do Sul, Coreia do Norte, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik