05:54 18 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Pyongyang testa bomba de hidrogênio (36)
    080
    Nos siga no

    O programa de mísseis balísticos do Irã não atingiu resultados semelhantes aos atingidos pela Coreia do Norte nos últimos tempos, destacou o vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov.

    Tal declaração é a resposta do diplomata russo à iniciativa proposta pela chanceler da Alemanha, Angela Merkel.

    Mais cedo, a chanceler alemã declarou que, para resolver a situação da Coreia do Norte, vale a pena repetir a experiência das negociações entre o grupo 5+1 (Rússia, EUA, China, França, Reino Unido e Alemanha) e Teerã destinadas a encontrar uma solução para o problema iraniano. Segundo Merkel, a Alemanha está pronta para participar de negociações semelhantes relativamente à Coreia do Norte.

    No entanto, Ryabkov apontou que "no momento de aprovação do plano geral de ações conjuntas, o Irã não apresentava nenhuns sinais de ter um programa de mísseis e nuclear".

    "Digam o que disserem nossos parceiros do Ocidente, o programa de mísseis do Irã está em grande parte limitado à esfera espacial. O programa militar de mísseis balísticos e desenvolvimento dos respectivos equipamentos no Irã não demonstrava e não demonstra os resultados que a Coreia do Norte tem mostrado ultimamente"

    Em 2015, o Irã e o grupo 5+1 assinaram um acordo histórico para resolver o problema do programa nuclear do Irã. As partes concordaram em levantar as sanções aplicadas antes a Teerã em troca da confirmação de que o programa nuclear do Irã teria um caráter pacífico.

    Tema:
    Pyongyang testa bomba de hidrogênio (36)

    Mais:

    O último teste nuclear da Coreia do Norte foi avaliado em 250 quilotons
    Coreia do Norte não reconhece novas sanções da ONU: 'estamos no caminho certo'
    Coreia do Norte promete 'a maior dor' aos EUA após sanções; Trump 'ameaça' China
    Senador russo: não há provas que Irã tenha apoiado programa nuclear de Pyongyang
    Tags:
    Rússia, Alemanha, Irã, Coreia do Norte, Teerã, Angela Merkel, Sergei Ryabkov, Chancelaria, programa nuclear, programa de mísseis balísticos iraniano, exploração espacial, crise coreana
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar