01:08 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Equipamento militar da Coreia do Norte

    Coreia do Norte diz que 'pequeno acidente' pode levar à guerra na península

    © REUTERS / KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    14103
    Nos siga no

    A Coreia do Norte voltou a alertar nesta segunda-feira que qualquer incidente acidental pode levar a uma guerra nuclear na Península Coreana. O aviso surge às vésperas de uma nova série de exercícios militares conjuntos entre Estados Unidos e Coreia do Sul na região.

    Na semana passada, Pyongyang prometeu concluir até o fim de agosto um plano para lançar quatro mísseis de alcance intermediário na direção da ilha de Guam, no Oceano Pacífico, que abriga bases militares dos EUA. A ideia ampliou as tensões entre os dois países.

    “Mesmo se ninguém quiser, se um pequeno evento acidental acontecer, ninguém pode impedir uma guerra”, divulgou a agência estatal norte-coreana KCNA, em comunicado reproduzido pela agência sul-coreana Yonhap.

    “Apesar do nosso aviso, se os EUA continuarem a manejar um golpe nuclear diante de uma potência nuclear, eles só acelerarão a sua própria autodestruição”, continuou o informe norte-coreano.

    Seul e Washington definiram como 21 de agosto a data do início dos exercícios conjuntos entre as forças armadas dos dois países, que devem durar duas semanas e possuem um caráter defensivo apenas. Para Pyongyang, tais atividades são um ensaio para uma invasão da península.

    Mais:

    China proíbe importação de várias mercadorias da Coreia do Norte
    São humanos também: quais são as preferências sexuais da elite da Coreia do Norte?
    EUA e Coreia do Sul elaboram planos para intimidar Pyongyang
    Tags:
    exercícios militares, diplomacia, guerra, guerra nuclear, KCNA, Estados Unidos, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar