15:57 12 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Material bélico da Coreia do Norte mostrado durante o desfile militar

    Japão: Coreia do Norte já pode ter tecnologia para construir ogivas nucleares menores

    © Sputnik/ Ilia Pitalev
    Ásia e Oceania
    URL curta
    450

    O programa nuclear da Coreia do Norte registrou progresso desde o primeiro teste, realizado em 2016, segundo o ministério da Defesa do Japão, que publicou o seu relatório anual nesta terça-feira.

    "Considerando, em particular, os cinco testes de armas nucleares [desde 2006], pode-se concluir que o programa nuclear [da Coreia do Norte] alcançou significativo progresso", avaliou o documento.

    De acordo com a publicação, Pyongyang pode já ter conseguido desenvolver a tecnologia necessária para construir ogivas nucleares menores para armar seus mísseis.

    O objetivo dos testes de mísseis norte-coreanos seria o aumento do alcance, da precisão e do segurança, acrescentou o ministério.

    O relatório foi escrito antes dos dois últimos lançamentos de mísseis da Coreia do Norte, realizados em em 4 de julho e 28 de julho, respectivamente.

    No sábado, o Conselho de Segurança da ONU aprovou por unanimidade uma resolução que contempla a proibição para importação de uma série de produtos da Coreia do Norte, inclusive de ferro, chumbo, carvão mineral e pescados. As contas do Banco de Comércio Externo da Coreia do Norte serão congeladas, e os navios norte-coreanos, que violarem as resoluções da ONU, ficarão impedidos de utilizar os portos em todo o mundo. As sanções também atingiram diversas pessoas físicas e autoridades coreanas, ligadas aos programas nuclear e de mísseis balísticos de Pyongyang.

    Mais:

    Coreia do Norte carrega lanchas com mísseis após EUA sugerirem reenviar navios à península
    Coreia do Norte: 'Sanções contra Pyongyang resultarão em um mar de fogo'
    Japão pede mais pressão e menos diálogo com a Coreia do Norte
    Quais são os ganhos e objetivos da Coreia do Norte com seus testes balísticos?
    Coreia do Norte pode construir bomba de hidrogênio até final do ano
    Tags:
    mísseis, programa nuclear, armas nucleares, Ministério da Defesa do Japão, Japão, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik