02:08 24 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Kim Jong-un observa míssil balístico de longo alcance Hwasong-12.

    Para que Coreia do Norte recorre à demonstração de força?

    © REUTERS/ KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    263952242

    A Coreia do Norte continuará demonstrando seu poder nuclear e de mísseis até que os EUA parem sua política hostil em relação a este país, afirma o jornal central norte-coreano, Rodong Sinmun.

    "O grande sucesso do segundo teste do míssil balístico intercontinental Hwasong-14 foi uma forte demonstração de fé revolucionária de nosso partido e nosso povo, prontos a lançar ataques até que os imperialistas norte-americanos parem de seguir sua anacrônica política hostil em relação à Coreia e se ajoelhem para pedir desculpas pelos sofrimentos que trouxeram à nossa nação", diz-se em um artigo, dedicado ao último teste de míssil, realizado por Pyongyang.

    Na semana passada, a Coreia do Norte anunciou o segundo teste do míssil Hwasong-14, declarando que o lançamento foi bem sucedido. O projétil atingiu a altitude de 3.725 quilômetros e percorreu 998 quilômetros por cerca de 47 minutos antes de cair no Mar do Japão.

    De acordo com a agência norte-coreana Yonhap, Pyongyang recorre à demonstração de poder nuclear e de mísseis para mudar a política dos EUA em relação ao país.

    Mais:

    Embaixadora dos EUA na ONU diz que 'está na hora da China agir' contra Coreia do Norte
    'Vamos lutar com os ianques': como se ensinam as crianças na Coreia do Norte
    Tags:
    pressão, força, demonstração, Kim Jong-un, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik