14:57 13 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Ilhas disputadas Takeshima (Dokdo) no mar do Japão (também conhecido como mar do Leste)

    Coreia do Sul considera que protesto japonês sobre ilhas disputadas não tem base legal

    © AP Photo/ Korea Pool
    Ásia e Oceania
    URL curta
    320

    Seul rejeita o protesto apresentado na véspera por Tóquio devido à escala do navio oceanográfico sul-coreano nas águas das ilhas disputadas de Takeshima (Dokdo).

    "Nossa posição é que vamos resistir com firmeza às pretensões do Japão quanto ao nosso território soberano. Não é necessário pedir licença a ninguém [para que o navio entre nas águas dessas ilhas]". A agência Yonhap cita as palavras do representante da Chancelaria da Coreia do Sul, Cho June Hyuck.

    Na véspera, o Ministério das Relações Exteriores do Japão enviou um protesto à parte sul-coreano devido à escala, sem qualquer autorização prévia, do seu navio Hae Yang 2000 nas águas das ilhas disputadas de Takeshima (Dokdo) que são consideradas por Tóquio como sua zona econômica exclusiva.

    Depois da Segunda Guerra Mundial, Tóquio contesta a soberania sobre o grupo de pequenas ilhas de Takeshima, localizadas no mar do Japão (também conhecido como mar do Leste) que pertencem à Coreia do Sul. As ilhas são também conhecidas como os Rochedos de Liancourt. Tóquio insiste que o arquipélago, incluído no Império do Japão em 1905, foi depois ilegalmente ocupado pela Coreia do Sul.

    Por sua vez, a parta sul-coreana está segura que "não existe qualquer disputa territorial em relação às Dokdo", pois são uma parte histórica e geográfica sul-coreana que, para além disso, está de acordo com a lei internacional.

    Facebook

    Procure a página Sputnik Brasil no Facebook e descubra as notícias mais importantes. Curta e compartilhe com seus amigos. Ajude-nos a contar sobre o que os outros se calam!

    Mais:

    EUA enviam mais um submarino para o Japão
    Coreia do Sul: novo presidente inicia diálogo com China e Japão sobre Coreia do Norte
    Japão pondera adquirir mísseis Tomahawk no meio da tensão com a Coreia do Norte
    Japão toma medidas especiais em meio à atividade de navios militares da China
    Tags:
    licença, zona econômica exclusiva, águas terriroriais, navio de pesquisa, protesto, disputa territorial, ilhas, Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Sul, Mar do Japão, Japão, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik