05:06 18 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    A presidente sul-coreana Park Geun-hye em 24 de outubro de 2016

    Coreia do Sul recolhe votos necessários para impeachment da presidente

    © REUTERS/ Kim Hong-Ji
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 30

    Uma parte dos deputados do partido governista sul-coreano Saenuri que está em oposição à presidente disse que conseguiu recolher o número de votos necessário para iniciar o impeachment de Park Geun-hye, informou a emissora NHK.

    Segundo os líderes do grupo, "a presidente deve anunciar o prazo da sua renúncia".

    "A data mais conveniente para isso é o fim de abril", cita a emissora a opinião dos políticos. O grupo do partido afirmou que, se nas consultas de 8 de dezembro, entre o partido ao poder e a oposição não for atingido o acordo, os seus deputados apoiarão a votação do impeachment da presidente em 9 de dezembro.

    "Conseguimos assegurar o número necessário de votos para iniciar o impeachment", citou a emissora NHK a declaração da liderança da ala do partido.

    Para iniciar o impeachment na Coreia do Sul é necessário o voto de 200 dos 300 deputados. Os partidos oposicionistas são representados por 172 deputados, assim, sem a concordância de 28 deputados do partido no poder, o impeachment não pode ser aprovado.

    O escândalo político em redor da presidente sul-coreana estourou após Park Geun-hye ter se desculpado publicamente pelo chamado "vazamento" de dezenas de textos dos discursos presidenciais, mesmo antes de eles serem pronunciados, para sua amiga chegada, Choi Soon-sil.

    Além disso, também houve especulações que Choi Soon-sil alegadamente teria se apropriado de 70 milhões de dólares, ou seja, de uma parte dos bens de grandes empresas sul-coreanas, visando comprar bens imóveis e pagar a educação da sua filha em uma das universidades mais conceituadas da Coreia do Sul.

    Mais:

    Coreia do Sul quer abater drones inimigos com arma eletromagnética
    Coreia do Norte exige que EUA parem as 'ameaças nucleares agressivas'
    Promotores da Coreia do Sul invadem escritórios da Samsung
    Cabo do Corpo de Fuzileiros Navais da Coreia do Sul mata três companheiros e fere dois
    Tags:
    partido, impeachment, renúncia, presidente, Coreia do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik