14:47 20 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Dois sistemas de THAAD são lançados durante um teste de interceptação bem sucedido.

    Seul: implantação de THAAD no país não é dirigida contra Rússia

    © flickr.com/ Agência de Defesa contra Mísseis (ADM) dos EUA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    405

    O sistema americano de defesa antimíssil THAAD na Coreia do Sul não é dirigido contra a Rússia ou países terceiros, disse a presidente sul-coreana, Park Geun-hye, em entrevista por escrito à RIA Novosti.

    "Não existem nenhumas razões para que o THAAD seja dirigido contra um terceiro país, não teria nenhum benefício real, não temos intenção ou planos de agir dessa forma", afirmou ela.

    A líder sul-coreana assinalou que a implantação do THAAD é uma medida de defesa nacional. "Esta decisão foi inevitável para proteger a segurança do Estado e a vida dos cidadãos das ameaças nucleares e de mísseis da Coreia do Norte, que aumentam a cada dia", afirmou.

    A presidente ressaltou que, se a ameaça de Pyongyang deixasse de existir, não haveria necessidade de implantar o sistema THAAD.

    "Se Moscou sente a necessidade de explicações adicionais, continuaremos mantendo contatos estreitos", assegurou a presidente da Coreia do Sul.

    Em julho, Seul e Washington chegaram a um acordo para implantar no território sul-coreano o sistema THAAD, que só entrará em funcionamento no final de 2017. Tanto Seul como Washington reiteraram que o THAAD apenas pretende combater a ameaça norte-coreana, mas Pequim e Moscou suspeitam que, no fundo, os EUA buscam aumentar sua presença na área e monitorar as defesas dos outros países.

    O sistema THAAD (Terminal High Altitude Area Defense) é projetado para interceptação de mísseis de pequeno e médio alcance. De acordo com o chefe do departamento de defesa sul-coreano, o raio de alcance dos interceptores THAAD não excede os duzentos quilômetros.

    Mais:

    Coreia do Norte adverte Washington e Seul sobre ataque nuclear preventivo
    Seul estuda influência de ondas de rádio do THAAD na saúde da população local
    Seul suspeita que Coreia do Norte possa lançar novo míssil balístico
    Tags:
    defesa nacional, segurança nacional, THAAD, Park Geun-hye, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik