05:41 28 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0511
    Nos siga no

    Se preparando para anunciar um orçamento militar recorde de 51,7 bilhões de dólares, o Japão planeja dobrar o número de armamentos nos seus caças F-15 a fim de intimidar a vizinha China.

    Forças de Autodefesa do Japão
    © AP Photo / Eugene Hoshiko
    O orçamento para o ano fiscal de 2017, que termina em março de 2018, inclui uma série de medidas caras para aumentar significativamente as capacidades militares do país em meio a tensões com os chineses na região. Entre outras coisas, o Japão deve aumentar para 16 o número de mísseis ar-ar em cada um dos seus 200 F-15 e aumentar o tempo de vida dos aviões com um grande programa de modernização. 

    O programa militar proposto, que deverá entrar em vigor ainda neste mês, inclui supostamente também a compra de uma quantidade não revelada de jatos Lockheed Martin F-35 e o desenvolvimento de drones, planejados para entrar em operação só em 2037. 

    Mais:

    Por que Japão aumenta seu orçamento militar?
    Como interpretar a Constituição do Japão para poder ter armas nucleares?
    Japão instala sistemas de defesa antiaérea para defender ilhas afastadas
    Japão desloca navios de guerra para apoiar Filipinas no mar do Sul da China
    Tags:
    Japão, China, F-15, F-35
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar