13:08 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    1292
    Nos siga no

    Um potente terremoto foi registrado nesta quinta-feira (29), cerca de 105 quilômetros a sudeste de Perryville, no Alasca, ao largo das ilhas Aleutas.

    O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS na sigla em inglês) confirmou que a magnitude do terremoto foi de pelo menos 7,2, mas depois observou que pode ter sido muito mais forte, atingindo até 8,2 na escala de Richter.

    ​Terremoto de magnitude 8,2 acaba de atingir área a sudeste de Perryville no Alasca. Está sendo avaliada a ameaça de tsunami na costa oeste.

    Enquanto isso, o sistema de alerta de tsunami dos EUA informou que há uma ameaça de tsunami nas ilhas Marianas do Norte e Guam.

    "É possível o surgimento de ondas de tsunami perigosas na sequência deste terremoto nas próximas três horas ao longo de algumas zonas costeiras", advertiu o sistema de alerta de tsunami dos EUA em comunicado.

    ​Quinta-feira, 29, 06:23:22 do horário UTC imagem da ocorrência.

    De acordo com USGS, o terremoto ocorreu na quarta-feira (28) por volta das 22h15 horário do Alasca (03h15 da madrugada de hoje, quinta-feira, em Brasília), com epicentro no mar, cerca de 91,7 km a leste-sudeste de Perryville, a uma profundidade de 46,6 km, avança o portal Kiro7.

    Dois outros terremotos com magnitudes preliminares de 6,2 e 5,6 ocorreram na mesma área meia hora depois, informa o serviço.

    As autoridades de várias povoações no Alasca aconselharam seus residentes a deixarem a área, devido à possibilidade de ocorrência de tsunami.

    ​Forte terremoto de magnitude 8.2 sacode a costa do Alasca. Aviso de alerta de tsunami. Ore pelo povo do Alasca.

    A polícia da cidade de Homer, no Alasca, em sua página do Facebook, exortou os moradores a abandonarem a zona e a irem para locais mais altos. Informa-se também que foram criados centros especiais de evacuação.

    Segundo o canal local Alaska's News Source, Jeremy Zidek, porta-voz do Departamento de Segurança Nacional do Alasca, declarou que as autoridades contataram os residentes de Perryville, a comunidade mais próxima do epicentro.

    "Não há muitas pessoas lá. Em Perryville nos disseram que os tremores foram muito fortes e que foi iniciada a evacuação", disse Zidek.

    De acordo com a CBS News, o terremoto de magnitude 8,2 registrado ao largo da costa do Alasca foi o mais potente na América do Norte desde 1965.

    "Este é o maior terremoto que acontece na região do Alasca desde 1965", afirmou Michael West, sismólogo do Centro de Terremotos do Alasca.

    O Alasca faz parte do Círculo de Fogo do Pacífico – uma área onde ocorre um grande número de terremotos e uma forte atividade vulcânica, localizada no norte do oceano Pacífico.

    Mais:

    Terremoto 'em câmera lenta' de 32 anos foi causa de sismo desastroso de magnitude 8,5 na Indonésia
    Fortes terremotos atingem 2 regiões da China; 2 mortes foram confirmadas
    Falha geológica ameaça causar megaterremoto que pode atingir noroeste da América do Norte
    Tags:
    Alasca, terremoto, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar