06:19 02 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    3613
    Nos siga no

    Uma ex-oficial da Agência de Inteligência de Defesa (DIA, na sigla em inglês) dos EUA advertiu que o país não está preparado para um confronto com a Rússia, particularmente nas áreas espaciais e cibernéticas.

    A possibilidade de guerra com a Rússia parece não ser mais um cenário hipotético e o governo dos EUA está muito mal preparado para isso, afirmou Rebekah Koffler, ex-oficial de inteligência dos EUA, no jornal The Hill, publicado na sexta-feira (9).

    A autora do artigo citou as declarações de Vladimir Putin, presidente da Rússia, durante a Linha Direta de 30 de junho, segundo o qual os EUA sabem que não poderiam vencer em uma Terceira Guerra Mundial.

    "A confiança de Putin deriva da crença de Moscou de que pode combater e vencer uma guerra com Washington nas condições da Rússia", disse a antiga agente da DIA.

    A Rússia tem apontado que os EUA dependem do uso de tecnologia mesmo com adversários tão mal armados como os militantes no Afeganistão e Iraque. Por essa razão, o Kremlin escolheu a área cibernética e o espaço sideral como seus campos de batalha, explicou Coffler.

    "O governo e as corporações americanas foram pegos desprevenidos pela vontade dos adversários dos EUA de atacarem nossas redes de TI inseguras e seu sucesso em fazer isso. Nossos satélites estão igualmente indefesos", escreve ela, não descartando a possibilidade de a Rússia atingir o sistema de defesa orbital dos EUA.

    Coffler sublinhou que a região do mar Negro permanece atualmente um dos mais prováveis focos de uma possível guerra entre a Rússia e a OTAN, que também envolveria os EUA.

    A confiança do presidente russo de que Washington não sabe como enfrentar a Rússia em caso de guerra coloca os EUA em uma situação ainda mais difícil, concluiu Rebekah Koffler.

    Mais:

    Frota russa monitora navio militar dos EUA que navega no mar Negro
    Rússia desmente artigo da Bloomberg sobre ciberataque a Comitê Republicano dos EUA
    Rússia não aceita que EUA dialoguem com Moscou a partir de 'posições de força', diz Lavrov
    Aliados de Washington querem treinar mais com EUA 'caça' de submarinos russos e chineses, diz mídia
    Torrando bilhões de dólares em vão
    Tags:
    Agência de Inteligência de Defesa dos EUA, Vladimir Putin, mar Negro, The Hill, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar