05:58 03 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    151
    Nos siga no

    A missão da Organização dos Estados Americanos (OEA) felicitou o povo equatoriano e pediu calma enquanto aguardava o resultado das eleições realizadas em 7 de fevereiro.

    A mensagem foi transmitida através de um comunicado publicado no site da organização.

    "A Missão de Observação Eleitoral [MOE] da Organização dos Estados Americanos no Equador, chefiada pela ex-vice-presidente do Panamá Isabel De Saint Malo, expressa seu agradecimento ao povo equatoriano pela realização de um processo eleitoral pacífico e com alta participação popular, apesar dos desafios impostos pela pandemia da COVID-19", escreveu a OEA.

    A missão, liderada pela ex-vice-presidente do Panamá, Isabel de Saint Malo, destacou alguns atrasos durante a votação.

    "A Missão observou atrasos de mais de uma hora na abertura dos centros de votação, bem como longas filas e multidões na periferia das seções eleitorais. No entanto, teve conhecimento da instalação de 100% das assembleias de voto em território nacional e da implementação de diversas medidas que permitiram acelerar o processo de votação", disse.

    A OEA esteve presente nas "províncias de Pichincha, Manabí, Los Ríos, Azuay e Guayas e observou tanto o processo de votação como o escrutínio nas Juntas de Recebimento de Votos".

    Segundo o comunicado, a missão de observação eleitoral permanecerá no Equador até que 100% dos votos sejam apurados e estará presente no segundo turno.

    "Hoje, segunda-feira [8] de manhã, a contagem oficial é de 83,60%, pelo que a MOE apela à população que espere com calma os resultados, que os atores políticos se comportem com responsabilidade e que a CNE dê garantias de transparência, certeza e segurança jurídica a todos os envolvidos no processo", afirmou.

    O segundo turno das eleições do Equador está marcado para o dia 11 de abril.

    Mais:

    FMI anuncia que vai desembolsar imediatamente US$ 2 bilhões para ajudar Equador
    Apresentador de TV é morto a tiros no Equador
    Avião presidencial do Equador faz pouso de emergência nos EUA
    Após Peru, Equador mobiliza tropas para fronteira visando frear imigração ilegal (VÍDEO, FOTOS)
    Tags:
    Equador, eleições, América do Sul, democracia, eleição, Organização dos Estados Americanos (OEA), voto, votação, votações, voto popular
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar