04:35 19 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    171524
    Nos siga no

    Após os atos no Capitólio, nos EUA, que o mundo assistiu nesta quarta-feira (6), o presidente Jair Bolsonaro disse que houve "muita fraude" nas eleições norte-americanas que marcaram a derrota de Donald Trump. A fala foi feita para apoiadores no Palácio da Alvorada.

    "Eu acompanhei tudo hoje [6]. Você sabe que sou ligado ao Trump. Então, você sabe qual a minha resposta aqui. Agora, muita denúncia de fraude, muita denúncia de fraude. Eu falei isso um tempo atrás e a imprensa falou: 'Sem provas, presidente Bolsonaro falou que foi fraudada as eleições americanas'", disse o presidente do Brasil.

    Jair Bolsonaro voltou a alegar que as eleições de 2018, da qual saiu vencedor, registraram fraudes que lhe tiraram uma vitória em primeiro turno, escreve o Estado de São Paulo.

    "A minha foi fraudada. Eu tenho indício de fraude na minha eleição, era para ter ganho [sic] no primeiro turno", declarou.

    Mais cedo, o vice-presidente Hamilton Mourão afirmou que a invasão do Congresso dos EUA por apoiadores de Donald Trump que acreditam em fraude nas eleições vencidas por Joe Biden é uma "questão interna".  

    "São questões internas dos EUA e que terão de ser solucionadas pelo novo governo e de acordo com a lei", disse o vice.

    No Brasil, a secretaria de Comunicação Social da presidência da República disse que não comentaria o caso, já o Itamaraty ainda não se posicionou.

    Manifestante usa máscara do presidente americano, Donald Trump, durante manifestação de apoio a Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro (foto de arquivo)
    © AP Photo / Silvia Izquierdo
    Manifestante usa máscara do presidente americano, Donald Trump, durante manifestação de apoio a Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro (foto de arquivo)

    Mais:

    Analista: governo Bolsonaro se opõe a estado de calamidade por não ter compromisso com a vida
    Bolsonaro anuncia aumento do salário mínimo para R$ 1.100 a partir do dia 1º
    Bolsonaro é convidado para Dia Cristão em Milão após condenar aborto na Argentina
    Tags:
    Congresso dos EUA, Congresso, Donald Trump, Jair Bolsonaro, Bolsonaro, eua, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar