05:37 11 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    247
    Nos siga no

    O presidente norte-americano Donald Trump liderou o ranking de admiração nos EUA pela primeira vez, posto que já foi ocupado 12 vezes pelo o ex-presidente Barack Obama. Michelle Obama é a líder na lista das mulheres mais admiradas do país.

    Obama encabeçou o ranking de admiração 12 vezes, e nesse ano, pela primeira vez, Trump está em primeiro lugar, segundo a empresa de pesquisa de opinião norte-americana Gallup. É a decima vez que Trump está na lista dos dez homens mais admirados do país.

    Normalmente, o ainda presidente dos EUA é a resposta mais frequente quando Gallup realiza perguntas abertas sobre quem seria o homem mais admirado pelas pessoas. Desde 1946, o atual presidente liderou a lista 60 vezes.

    Segundo a pesquisa, 18% dos entrevistados nomearam Trump como o homem estimado, 15% escolheram o ex-presidente Obama e seis por cento escolheram o recém-eleito presidente eleito Biden.

    Além disso, na mesma lista, está o imunologista Anthony Fauci, o Papa Francisco, o empreendedor, Elon Musk, o senador do estado de Vermont, Bernie Sanders, o fundador da Microsoft, Bill Gates, o jogador de basquete LeBron James e o líder espiritual do Tibete, Dalai Lama.

    Além das figuras públicas nomeados pelos norte-americanos, 11% dos entrevistados citaram alguém da família ou amigos próximos como a pessoa mais admirada em suas concepções. Enquanto 21% não quiseram opinar sobre o assunto.

    Sobre o cenário político, 48% dos entrevistados republicanos aprovam a figura de Trump. Já 32% dos democratas escolheram Obama, nove por cento a menos que no ano passado.

    Mulher mais admirada

    Quanto a mulher mais admirada, pela segunda vez, os norte-americanos escolheram Michelle Obama. Geralmente, as mulheres que foram primeiras-damas são normalmente citadas na pesquisa em seguida.

    Neste ano, dez por cento dos entrevistados nomearam Michelle Obama como mulher mais admirada, seis por cento citam a vice-presidente eleita Kamala Harris, e quatro por cento escolheram a atual primeira-dama Melania Trump. Melania esteve na lista das mulheres mais admiradas dez vezes, mas nunca liderou a mesma.

     

    Overdose de emoção: Obama se despede da 'América'
    © AFP 2021 / Nicholas Kamm
    Overdose de emoção: Obama se despede da 'América'

     

    Além disso, na lista de dez mulheres mais admiradas de 2020, estão a apresentadora Oprah Winfrey, a chanceler da Alemanha Angela Merkel, a política e advogada norte-americana Hillary Clinton, a ativista Alexandria Ocasio-Cortez, a Rainha Elizabeth II, a juíza da Suprema Corte dos EUA, Amy Coney Barrett e ativista ambiental Greta Thunberg.

    Mais:

    Elites do Brasil estão entre as piores do mundo; China surpreende e Singapura lidera ranking inédito
    Merkel é escolhida pela 10ª vez a mulher mais poderosa do mundo pela Forbes
    Portugal aparece à frente do Brasil em ranking de oportunidades para mulheres de 100 países; entenda
    Bolsonaro e Trump 'travam', mas não na beleza, em 2020: os melhores memes do Brasil e do mundo
    Tags:
    Melania Trump, Joe Biden, Barack Obama, Michelle Obama, Donald Trump, ranking, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar