05:07 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 13
    Nos siga no

    O Congresso do Peru votou nesta sexta-feira (18) contra o processo de impeachment do presidente do país Martín Vizcarra.

    Vizcarra conseguiu 44 votos contrários ao processo, o que garantiria que a destituição não chegaria aos 87 dos 130 votos dos parlamentares.

    O processo de impeachment contra o atual presidente foi aberto na semana passada depois que áudios vazados mostraram o mandatário minimizando sua proximidade com o cantor Richard Cisneros, investigado por supostos contratos irregulares com o governo.

    Vizcarra conversava com duas assessoras sobre as idas de Cisneros ao palácio presidencial e pedia para que elas mentissem em um inquérito parlamentar.

    "Reconheço que é minha voz que está em uma daquelas gravações de áudio. Já disse publicamente. O que não irei de forma alguma reconhecer ou aceitar são as acusações que são feitas contra mim e a forma tendenciosa como a informação foi apresentada. Eu pergunto: qual é o crime?", disse Vizcarra, citado pela Andina.

    Vizcarra tomou posse em 23 de março de 2018, substituindo Pedro Pablo Kuczynski. Seu mandato termina em 28 de julho de 2021.

    Mais:

    Congresso do Peru aprova pedido de destituição do presidente do país por corrupção
    Martin Vizcarra assume presidência do Peru e promete combater corrupção
    Governo do Peru entrará com recurso contra pedido de impeachment de Vizcarra
    Tags:
    Congresso do Peru, Congresso, presidência, impeachment, Martín Vizcarra, Peru
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar