14:51 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    COVID-19 desafia mundo no início de junho (54)
    4151
    Nos siga no

    A dívida pública total dos Estados Unidos ultrapassou a marca de US$ 26 trilhões (cerca de R$ 129 trilhões).

    A informação publicada pelo Departamento do Tesouro dos EUA mostra que a dívida pública bateu um recorde e chegou aos valores mais altos da história norte-americana.

    Os dados publicados nesta quarta-feira (10) mostraram que, a partir desta semana, a dívida pública dos EUA chega a US$ 26.003.751.512.345 (cerca de R$ 129 trilhões), enquanto o país tenta abrir linhas de alívio econômico contra os efeitos da pandemia do novo coronavírus. Desde março deste ano, governo dos EUA forneceu por volta de US$ 4 trilhões (cerca de R$ 20 trilhões) como tentativa de criar alívio financeiro em meio à crise do coronavírus.

    Corretores passam pela Bolsa de Nova Iorque no dia em que o edifício abre pela primeira vez desde março, enquanto o surto de COVID19 continua grassando no bairro de Manhattan, Nova Iorque, EUA, 26 de maio de 2020
    © REUTERS / Lucas Jackson
    Corretores passam pela Bolsa de Nova Iorque no dia em que o edifício abre pela primeira vez desde março, enquanto o surto de COVID19 continua grassando no bairro de Manhattan, Nova Iorque, EUA, 26 de maio de 2020

    A COVID-19 atacou com severidade os EUA, deixando mais de 100 mil mortos no país e cerca de 40 milhões de desempregados em meio a 2 milhões de infecções causadas pela doença.

    Além dos dados da dívida pública, o Departamento do Tesouro norte-americano publicou ainda um relatório mensal no início desta quarta-feira (10), mostrando que o déficit orçamentário do governo federal para os primeiros oito meses do atual ano fiscal, iniciado em 1º de outubro de 2019, atingiu agora US$ 1,88 trilhão (cerca de R$ 9 trilhões) - o que já é o pior resultado história dos EUA.

    Tema:
    COVID-19 desafia mundo no início de junho (54)

    Mais:

    Desemprego nos EUA pode atingir níveis da crise de 1929, diz funcionário da Casa Branca
    Economia dos EUA apresenta pior queda desde crise financeira de 2008
    Economia dos EUA está em queda livre e crise é inevitável, advertem especialistas
    Tags:
    COVID-19, Departamento do Tesouro dos EUA, Estados Unidos, Donald Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar