18:42 23 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 100
    Nos siga no

    "El General Naranjo", que retrata a vida de um ex-negociador da paz com as FARC, reavivou teorias sobre a morte de Pablo Escobar.

    Em 2 de dezembro de 1993, o narcotraficante Pablo Emilio Escobar Gaviria, chefe máximo do cartel de Medellín e um dos criminosos mais sanguinários que o mundo conheceu, foi abatido em um telhado.

    Após quase 30 anos de sua morte, as circunstâncias do ocorrido permanecem um mistério, dando origem a diversas teorias.

    As cenas da morte de Escovar fugindo pelo telhado de seu refúgio em Medellín, na Colômbia, foram retratadas em diversos filmes, novelas e séries, e cada vez que sua figura volta a ser interpretada, as versões sobre seu final e verdadeiros encomendadores são motivo de polêmica.

    Uma nova série colombiana sobre a vida do general Óscar Naranjo, proeminente policial, negociador de paz com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) e vice-presidente do país vizinho, reacendeu este debate, revela o portal Infobae.

    Versão oficial

    Após sua fuga da prisão Catedral, o narcotraficante sofreu a traição de seu antigos parceiros, sua organização foi fortemente perseguida por seus maiores inimigos, o Cartel de Cali e seus aliados.

    Homem veste camiseta com o retrato de Pablo Escobar, famoso narcotraficante, Medellín, Colômbia, maio de 2016
    © AFP 2020 / RAUL ARBOLEDA
    Homem veste camiseta com o retrato de Pablo Escobar, famoso narcotraficante, Medellín, Colômbia, maio de 2016

    Para encontrá-lo, foi formado um grupo de elite da polícia colombiana, cuja missão era capturá-lo vivo ou morto. Graças à tecnologia obtida por colaboração com agências dos EUA, o grupo foi capaz de determinar onde o chefe do crime estava escondido, tendo este sido atingido no telhado de seu refúgio com três disparos.

    A traição que custou sua vida

    A polêmica se centra em torno de quem efetuou esses disparos. Apesar da versão oficial afirmar que teriam partido de um membro do grupo de elite da polícia, alguns acreditam que poderiam ter sido forças militares norte-americanas, ou facções do narcotráfico rivais.

    Além disso, há quem afirme que o narcotraficante lendário teria se suicidado. Todas as teorias, com exceção de uma, coincidem que Escobar foi rastreado graças a uma ligação realizada por ele em seu refúgio.

    Nesta teoria não tão difundida, um dos seus familiares, Gustavito Gaviria, teria anteriormente entregue sua localização.

    Apesar das diferentes versões, se sabe que no dia 2 de dezembro desse ano, horas antes da morte de Pablo Escobar, o corpo de Gaviria foi encontrado pela polícia de Medellín.

    Provavelmente, muitas das perguntas sobre a morte do narcotraficante jamais serão respondidas, mas seu mito cresce com o passar do tempo.

    Mais:

    Ex-número 2 das FARC anuncia retorno à luta armada na Colômbia
    Violência: membros das FARC seguem morrendo na Colômbia após acordo, diz ONU
    Antiga fortaleza de Pablo Escobar é implodida na Colômbia
    Tags:
    guerra às drogas, drogas, morte, narcotráfico, FARC, Colômbia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar