01:47 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    313
    Nos siga no

    Os Estados Unidos ampliarão o programa que devolve imigrantes não mexicanos que atravessam a fronteira do México para aguardar suas audiências nos tribunais locais.

    Washington já enviou mais de 56 mil migrantes para o México pelo programa, conhecido como "Migrant Protection Protocols" (MPP). A maioria são centro-americanos solicitando asilo nos Estados Unidos, informa a agência de notícias Reuters.

    A política, que foi implementada no ano passado no Texas e na Califórnia, será aplicada em Tucson, Arizona. Anteriormente, os migrantes encontrados naquela área eram enviados para El Paso, Texas, para processar seu retorno ao México.

    O presidente Donald Trump fez das políticas migratórias o foco principal de seu primeiro mandato e continua com a mesma bandeira antes das eleições de 2020.

    O secretário interino de Segurança Nacional, Chad Wolf, disse em comunicado quinta-feira que o programa MPP tem sido "uma ferramenta extremamente eficaz" para os Estados Unidos.

    Os críticos apontam que a iniciativa expõe os migrantes à violência no México e restringe sua capacidade de buscar proteção nos Estados Unidos.

    A Comissão Mexicana de Assistência a Refugiados disse quarta-feira que recebeu 66.915 pedidos de asilo em 2019, cerca de 126% a mais que no ano anterior.

    Mais:

    Ataque contra posto de gasolina deixa 6 mortos no México (FOTO)
    Bolívia expulsa diplomatas do México e Espanha, que responde com expulsão de bolivianos
    México diz que embaixadora expulsa da Bolívia trabalhou 'em favor do asilo e da paz'
    Presidente do México diz que 'El Chapo' tinha o mesmo poder que o presidente
    Descobertas no México revelam antigos murais pintados em Teotihuacán (FOTOS)
    Tags:
    imigrantes, México, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar