19:18 09 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Pessoas tiram fotos em frente à bandeira da Coreia do Norte e dos EUA, em Hanói, Vietnã, 24 de fevereiro de 2019

    Cidadão dos EUA é indiciado após visitar a Coreia do Norte

    © AP Photo / Vincent Yu
    Américas
    URL curta
    11418
    Nos siga no

    Os Estados Unidos estão indiciando criminalmente um cidadão norte-americano por violar as sanções dos EUA contra a Coreia do Norte.

    O processo judicial vem logo após ele ter viajado à Coreia do Norte para uma conferência sobre tecnologia blockchain e criptomoeda, segundo informou o Departamento de Justiça dos EUA em um comunicado à imprensa nesta sexta-feira (29).

    "Virgil Griffith forneceu informações altamente técnicas à Coreia do Norte, sabendo que essas informações poderiam ser usadas para ajudar a Coreia do Norte a lavar dinheiro e evitar sanções. Ao fazê-lo, Griffith pôs em risco as sanções que o Congresso e o presidente promulgaram para pressionar ao máximo o perigoso regime da Coreia do Norte", disse o procurador dos EUA Geoffrey S. Berman através do comunicado.

    Griffith, cidadão norte-americano que reside em Cingapura, participou do evento norte-coreano em abril deste ano. Lá, o norte-americano teria compartilhado informações sobre blockchain que podem ser usadas para evadir sanções.

    Ele foi preso na cidade norte-americana de Los Angeles na quinta-feira (28) e deve comparecer em tribunal ainda nesta sexta-feira, informou o comunicado.

    A queixa criminal contra Griffith notou que as sanções proíbem norte-americanos de exportar quaisquer bens, serviços ou tecnologia para a Coreia do Norte sem uma licença do Departamento do Tesouro dos EUA.

    Mais:

    Coreia do Norte afirma que 'provocação' dos EUA deixa diálogo nuclear à beira da extinção
    Coreia do Norte declara falta de interesse em manter negociações com EUA
    Coreia do Norte diz que só discutirá programa nuclear se EUA pararem com 'política hostil'
    Coreia do Norte teria lançado 'mísseis balísticos' no mar do Japão
    Tags:
    Departamento do Tesouro dos EUA, Departamento de Justiça dos EUA, Estados Unidos, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar