08:14 24 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Combatente do Daesh.

    Rússia alerta sobre acampamentos terroristas de Daesh e Al-Qaeda na América Latina

    CC0
    Américas
    URL curta
    8122

    A atividade de jihadistas afiliados ao Daesh e à Al-Qaeda foi flagrada na América Latina ao recrutar combatentes e promover a ideologia extremista entre os muçulmanos locais, afirmou o chefe russo do Departamento Central de Inteligência (GRU), Igor Kostyukov.

    "Entre os novos fatores de risco está o surgimento de campos de treinamento e esconderijos jihadistas na região", disse Igor Kostyukov, diretor da GRU, durante a conferência anual de Moscou sobre Segurança Internacional.

    Os jihadistas atualmente operando na América Latina estão ligados ao Daesh e à Al-Qaeda, acrescentou.

    "Eles recrutam combatentes para reforçar suas fileiras no Oriente Médio e Norte da África, coletam fundos e promovem ideologia extremista entre os seis milhões de habitantes muçulmanos da região", alertou Kostyukov.

    Entretanto, o oficial russo não citou países específicos onde os campos jihadistas foram descobertos.

    No ano passado, o presidente guatemalteco Jimmy Morales Cabrera disse que cerca de 100 pessoas ligadas ao Daesh e a outros grupos foram presas em seu país e deportadas de onde vieram.

    Mais:

    Moscou: Frente al-Nusra e terroristas ligados à Al-Qaeda organizam provocações em Idlib
    Trump celebra morte de integrante da Al-Qaeda por trás do ataque contra o USS Cole
    Daesh assume responsabilidade pelos atentados no Sri Lanka, segundo mídia
    Milicianos do Iraque eliminam um dos líderes do Daesh
    Tags:
    jihadistas, inteligência, GRU, Jimmy Morales, violência, Rússia, América Latina, terrorismo, Al-Qaeda, Daesh
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar