09:54 16 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Delcy Rodríguez, vice-presidente da Venezuela (arquivo)

    Venezuela anuncia revisão de relações com Aruba, Bonaire e Curaçao

    © REUTERS / Marco Bello
    Américas
    URL curta
    5134

    A vice-presidente da Venezuela, Delcy Rodríguez, anunciou hoje que Caracas está revisando suas relações diplomáticas com as ilhas de Aruba, Bonaire e Curaçao, ao mesmo tempo em que suspende as comunicações fronteiriças e os voos entre o país e esses territórios das antigas Antilhas Holandesas.

    A medida foi anunciada por Rodríguez durante coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira ao lado do chanceler Jorge Arreaza, pouco tempo depois de um subchefe regional militar informar sobre a reabertura da fronteira marítima com o Caribe holandês, que havia sido fechada ontem.

    ​"A Venezuela adotou a suspensão de voos para a ilha de Aruba e o fechamento de todas as nossas fronteiras."

    A decisão, segundo a vice-presidente, tem como motivo a suposta ajuda humanitária forçada, liderada pelos Estados Unidos, que poderia ser realizada a partir desses territórios. Mais uma vez, ela reforçou a ideia de que tal ajuda não passaria de um pretexto para uma possível invasão da Venezuela.

    "Se realmente quisessem ajudar a Venezuela, o primeiro que teriam que fazer seria nos deixar desfrutar de nossos ativos, de nossos recursos, levantar de forma imediata o bloqueio financeiro que há contra o nosso país", afirmou.  

    Mais:

    Rússia fornece à Venezuela medicamentos e equipamento médico, segundo fonte
    Brasil mobiliza força-tarefa para entregar ajuda humanitária à Venezuela
    Índia caminha para ser o maior parceiro petrolífero da Venezuela graças aos EUA
    Tags:
    ajuda humanitária, Jorge Arreaza, Delcy Rodríguez, Caracas, Estados Unidos, América, Antilhas, Bonaire, Curaçao, Caribe, Aruba, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar