16:59 15 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Helicóptero do exército dos EUA pulveriza o agente laranja sobre campos vietnamitas.

    Senado dos EUA derruba lei que estenderia benefícios a veteranos da Guerra do Vietnã

    Public Domain
    Américas
    URL curta
    1028

    O Senado dos Estados Unidos derrubou um projeto de lei que estenderia benefícios a milhares de veteranos da Marinha dos EUA que foram expostos ao agente laranja enquanto serviam durante a guerra do Vietnã.

    O Agente Laranja era um herbicida usado pelo governo dos EUA durante a guerra contra o Vietnã para desfolhar a paisagem e atacar com mais facilidade as tropas vietcongues. A exposição ao produto químico tem sido associada a casos de câncer e a outras doenças.

    Durante a guerra, as tropas dos EUA foram informadas de que o produto químico era inofensivo, e aqueles que foram expostos a ele tiveram dificuldade em obter benefícios do governo. Em 1993, quase 20 anos após o fim da guerra, o Departamento de Assuntos de Veteranos havia compensado apenas 486 dos 39.419 soldados que tentaram obter benefícios por incapacidade por causa de sua exposição ao agente laranja no Vietnã.

    O projeto de lei, H.R. 299, ou a "Lei dos Veteranos do Vietnã da Marinha da Água Azul", estenderia os benefícios da Lei de Veteranos a milhares de pessoas que foram expostas ao Agente Laranja enquanto serviam em navios de guerra na costa do Vietnã.

    "A Guerra do Vietnã continua para aqueles que sofrem com a contaminação do agente laranja", disse o veterano da Guerra do Vietnã, Bruce K. Gagnon, coordenador da Rede Global contra Armas e Energia Nuclear no Espaço, à Sputnik News na quarta-feira. "O meio-ambiente do Vietnã também foi profundamente afetado por gerações".

    A senadora Kirsten Gillibrand pediu a seus colegas na segunda-feira que obtivessem consentimento unânime sobre a questão, o que teria sido acelerado para aprovação. O senador republicano Mike Enzi discordou, no entanto.

    O projeto foi aprovado na Câmara dos Deputados por unanimidade.

    "Neste projeto, muitos de nós foram informados sobre o potencial de crescimento de custos e as pressões orçamentárias e operacionais que aconteceriam", disse Enzi. "Eles estão tendo muitos problemas, de qualquer maneira". Estender os benefícios para os marinheiros teria custado US $ 5,5 milhões em 10 anos, mas o Escritório de Orçamento do Congresso estimou que o custo estaria mais próximo de US $ 1,1 milhão.

    "Os EUA se recusam a assumir responsabilidade pelos danos que causaram", criticou Bruce Gagnon. "Washington gosta de guerrear, mas não gosta de lidar com os danos humanos e ecológicos causados por essas guerras".

    Tags:
    agente laranja, Guerra do Vietnã, Departamento de Assuntos de Veteranos, Rede Global contra Armas e Energia Nuclear no Espaço, Kirsten Gillibrand, Mike Enzi, Bruce K. Gagnon, Estados Unidos, Vietnã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar