17:26 19 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Polícia reprime protesto na Nicarágua, em abril de 2018

    OEA anuncia sessão para examinar situação na Nicarágua

    © AP Photo / Alfredo Zuniga
    Américas
    URL curta
    210

    O Conselho Permanente da Organização dos Estados Americanos realizará uma reunião extraordinária nesta sexta-feira, 13, para discutir a situação na Nicarágua, país que se encontra mergulhado em profundo estado de violência generalizada.

    De acordo com a OEA, a reunião ocorrerá a pedido das missões de Argentina, Canadá, Chile, Estados Unidos e Peru. 

    Fontes humanitárias afirmam que a violência na Nicarágua, em meio aos protestos contra o presidente Daniel Ortega, já provocaram a morte de mais de 260 pessoas nos últimos três meses. Nesta quinta-feira, segundo fontes locais ouvidas pela AFP, quatro policiais e um manifestante morreram na municipalidade de Morrito em consequência de enfrentamentos. 

    As manifestações na Nicarágua eclodiram no dia 18 de abril contra uma reforma do sistema previdenciário, já abandonada. Os protestos se intensificaram e os manifestantes passaram a exigir a saída de Ortega, no poder desde 2007. O presidente, por sua vez, acusa os críticos ao seu governo de fomentar um golpe no país.

    Mais:

    Protestos contra o governo na Nicarágua terminam com 7 mortos, incluindo uma criança
    Partes em conflito na Nicarágua chegam a acordo por fim da violência
    Nicarágua retomará diálogo nacional para tentar pôr fim à violência
    Protestos mortais na Nicarágua: Igreja Católica e Ortega retomam diálogo
    Protestos na Nicarágua deixam 11 mortos e 80 feridos em 24h
    Tags:
    Conselho Permanente da OEA, Organização dos Estados Americanos (OEA), Daniel Ortega, América, Nicarágua
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik