21:45 23 Abril 2018
Ouvir Rádio
    O assessor sênior da Casa Branca, Jared Kushner, se senta ao lado do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e do secretário de Comércio, Wilbur Ross, quando se preparam para se reunir com o rei saudita Abdullah bin Abdul Aziz Al-Saud e a delegação saudita.

    Kushner pede a Trump para não repetir que muro seja pago por México

    © REUTERS . Jonathan Ernst
    Américas
    URL curta
    240

    De acordo com o The New York Times, Jared Kushner sugeriu que o presidente dos EUA abolisse a questão do muro de seu discurso para o bem das relações com o México.

    Jared Kushner, genro e assessor do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu ao presidente para que nunca mais dissesse que o México pagará pelo muro, solicitando também que isente o país latino-americano de tarifas de aço e alumínio e para que não se anule o Acordo de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA, na sigla em inglês).

    Especificamente, Kushner havia pedido a Trump para evitar mencionar que o México arcará com o custo da parede, razão pela qual o presidente dos EUA não teria feito referência a esse país a assinar o orçamento na sexta-feira (23), disse a mídia norte-americana. O orçamento para o ano fiscal de 2018 simplesmente contempla um desafio direcionado para "barreiras físicas e infraestrutura", sem mencionar diretamente o muro de Trump.

    Segundo fontes próximas a Kushner, o atual assessor do presidente quer que Trump elimine a polêmica mensagem de seu diálogo com o objetivo de melhorar as relações entre o México e os Estados Unidos. Da mesma forma, também estaria trabalhando para realizar uma renegociação do NAFTA.

    "Nosso diálogo não se limita à Casa Branca, mas se não tivéssemos um diálogo com o Sr. Kushner, a relação poderia ser pior", explicou ao The New York Times o embaixador do México nos Estados Unidos desde fevereiro do ano passado, Gerónimo Gutiérrez. "É verdade: Jared tem sido uma influência positiva", disse Gutiérrez.

    Trabalho 'invisível' de Kushner

    Gutiérrez também acredita que Kushner está realizando uma tarefa 'invisível' para manter as relações entre os dois países da América do Norte, estabelecendo uma série de reuniões com Luis Videgaray, o atual secretário de Relações Exteriores do México, para discutir várias questões, como por exemplo, a segurança.

    Segundo o jornal norte-americano, durante a visita ao México da secretária do Departamento de Segurança Interna, Kirstjen Nielsen, foi decidido que assinariam dois acordos relacionados ao controle do narcotráfico na fronteira entre os dois países. Também destaca que é muito provável que novos acordos sejam assinados em breve entre as administrações de Trump e do presidente mexicano, Peña Nieto.

    No início de março, Jared Kushner viajou para a Cidade do México para aparentemente tentar amenizar as tensões com uma reunião privada com Peña Nieto.

    Mais:

    EUA concede contratos para empresas criarem protótipo do muro da fronteira com México
    Kushner cobrou demissão de 20% dos funcionários da CNN por cobertura 'desleal' da eleição
    Peña Nieto e Trump decidem não comentar mais decisões sobre muro em público
    Tags:
    muro, fronteira, Jared Kushner, Donald Trump, Enrique Peña Nieto, Cidade do México, México, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik